- Especial Caixa Geral de Depósitos

As 25 conclusões do inquérito à Caixa. “A CGD ficou refém de si própria”

Relatório preliminar da comissão de inquérito à gestão da CGD distribui críticas à atuação do  Banco de Portugal, ao Ministério das Finanças e à gestão de Carlos Santos Ferreira, a qual, diz, foi responsável pela maioria dos 1.647 milhões de euros de perdas em operações de crédito que acabaram por se revelar ruinosas e que foram sinalizadas no relatório de auditoria da EY.

CPI à Caixa: relatório final já foi entregue em mão à Procuradora Geral da República

O presidente da comissão parlamentar de inquérito à gestão da Caixa entregou em mão o relatório final à Procuradora Geral da República. Entrega realizou-se na sexta-feira passada, tendo na ocasião Luis Leite Ramos dado explicações a Lucília Gago sobre os termos em que foi feito o documento, cujas conclusões poderão ter, segundo a própria CPI, relevância criminal.

Críticas ao BdP, gestão do banco e governo de Sócrates. Conheça ao detalhe o relatório da CPI à Caixa Geral de Depósitos

Relatório final reflete as conclusões retiradas pelos deputados sobre a recapitalização da Caixa Geral de Depósitos e a gestão do banco público. Trabalhos começaram em março e as conclusões visam vários alvos: Banco de Portugal, gestão do banco e sucessivos Governos, com destaque para o Executivo liderado por José Sócrates.

“Expressão ‘indícios de gestão danosa’ dividiu PSD dos restantes partidos” da comissão de inquérito à CGD

Shrikesh Laxmidas, diretor-adjunto do Jornal Económico, analisou para a SIC Notícias as propostas de alterações ao relatório final da II Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) à Recapitalização da CGD e Gestão do banco público.

Inquérito à CGD: PSD diz que “não pode ser ignorada a responsabilidade política”

Os sociais-democratas defendem também que o banco público funciona como “indutor de comportamentos e práticas no mercado” e a sua “gestão danosa” levanta “riscos adicionais” e cuidados reforçados.

Inquérito à CGD: política de crédito “contribuiu para aumentar o risco sistémico da economia”, diz BE

A política de crédito do banco público, em particular os financiamentos que tiveram acções como garantias, contribuiu para aumentar o risco sistémico da economia. Esta é uma das conclusões do BE que quer ver incluída no relatório final da comissão de inquérito à gestão da CGD.
Ver mais artigos