41% dos consumidores já deixou de pagar uma ou mais contas no prazo

A multinacional especializada em serviços de gestão de crédito, Intrum, elaborou um plano para um orçamento familiar sem dívidas.  

Em Portugal, 41% dos consumidores já deixou de pagar uma ou mais contas no último ano no prazo devido e 42% assume que a razão para tal é o facto de não ter dinheiro para pagar.

De acordo com Luis Salvaterra, Diretor Geral da Intrum, “habitualmente acreditamos que as dívidas e os avisos de pagamento do banco são os mais preocupantes e acabamos por esquecer o resto das faturas como a luz, telefone, internet, ginásio e seguro de saúde que quando não são pagos também podem originar situações menos agradáveis”.

A Intrum recomenda:

· Realização de um planeamento do orçamento familiar com o objetivo de não gastar dinheiro que não tem;
· Elaboração de um calendário com as datas de vencimento dos pagamentos de forma a ter dinheiro suficiente para os pagar: impostos, seguro do carro etc;
· Nunca assinar qualquer contrato sem que tenha lido e compreendido todos os termos estabelecidos;
· Se não pode pagar uma conta a tempo, informe as pessoas a quem deve o dinheiro. Pode tentar fazer um acordo de pagamento ou ganhar algum tempo extra. Se deixar de pagar o que deve, pode ser contactado por uma empresa de recuperação de créditos. Nesta situação e para limitar danos e potencias custos, deve falar sobre a sua situação financeira e encontrar possíveis soluções;
· Análise das contas bancárias pelo menos uma vez por mês.

Recomendadas

Saiba quais as medidas de segurança nos locais destinados à dança

É obrigatório ter serviço de vigilância com recurso a segurança privada, aplicável obrigatoriamente em espaços com lotação igual ou superior a 200 pessoas.

Está à procura de um sítio para ficar estas férias? Deco sugere Eco Hotel

Ao estar a selecionar a opção de ficar num alojamento Ecológico, está também a contribuir para garantir mais sustentabilidade e um meio ambiente muito melhor.
Comentários