AFA ganha obra de 15 milhões em porto de Namibe

Uma empresa do grupo português AFA vai executar uma obra num porto de pesca no Namibe, sul de Angola, por mais de 15 milhões de euros. A obra, autorizada por despacho presidencial de 14 de outubro, é justificada como sendo “prioritária” pelo Ministério das Pescas angolano e envolve a construção e apetrechamento da Ponte do […]

Uma empresa do grupo português AFA vai executar uma obra num porto de pesca no Namibe, sul de Angola, por mais de 15 milhões de euros.

A obra, autorizada por despacho presidencial de 14 de outubro, é justificada como sendo “prioritária” pelo Ministério das Pescas angolano e envolve a construção e apetrechamento da Ponte do Cais do Tômbwa.

“Com vista a garantir uma atividade de pesca em condições técnicas e de segurança, que valorizem a produção dos pescadores e dos armadores, garantindo assim a operacionalidade das embarcações na província do Namibe”, lê-se no mesmo despacho, assinado pelo Presidente José Eduardo dos Santos.

A empreitada será adjudicada por 1.942.064.309,96 kwanzas (15,4 milhões de euros) à empresa AFAVIAS – Engenharia e Construções, segundo o documento. O contrato, a celebrar pelo Ministério das Pescas, envolve ainda uma componente de 102,6 milhões de kwanzas (814 mil euros) para a fiscalização da empreitada, a realizar pela empresa Proenge Engenharia.

De acordo com informação do grupo português, a AFA foi fundada em 1980, na Região Autónoma da Madeira, e tem apostado no continente africano desde 2007, nomeadamente em Angola.

 

OJE/Lusa

Ler mais
Recomendadas

Indústria Alimentar: o caminho da digitalização

No contexto da Indústria Alimentar, as organizações para se adaptarem necessitam de investir, e, atualmente, as tecnologias digitais chave passam pela: Robótica, Serviços móveis, Tecnologia Cloud, Internet-of-Things, Cibersegurança, Big Data e Analítica avançada, Impressão 3D, Inteligência Artificial e Social Media. Os consumidores, também eles cada vez mais nativos digitais, ditam tendências e as indústrias adaptam-se, quer […]

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.

Procrastinação ou a coragem de mudar

É preciso saber e decidir sem vacilar. Caso contrário, faremos parte das fotos guardadas no baú. Para mais tarde recordar.