Casa Branca anuncia plano de privatização do controlo de tráfego aéreo

Para Donald Trump, o antigo governo americano, liderado por Barack Obama, “não fazia a mínima ideia do que estava a fazer” ao gastar 7 mil milhões de dólares para modernizar o sistema de aviação dos Estados Unidos da América.

A Casa Branca aprovou formalmente um plano para transferir mais de 30 mil trabalhadores federais para uma associação privada sem fins lucrativos, separando os controladores de tráfego aéreo daqueles que estão inseridos no programa de 36 mil milhões de dólares para modernização da Administração Federal de Aviação. De acordo com o The Washington Post (WP), a proposta da administração de Donald Trump tem o aval da Casa Branca e é o reforço de um plano que não ganhou força suficiente no Congresso no ano passado.

Assim, constitui uma das medidas que põe os olhos dos republicanos e do presidente americano a brilhar, por agilizar o governo e transferir funções para os privados. Um alto responsável da Casa Branca explicou ao diário que, caso o plano avance, “deverá funcionar como qualquer outro organismo” e que a empresa cobrirá os seus custos através das tarifas pagas pelos utilizadores às companhias aéreas e “taxas razoáveis” pedidas aos passageiros.

Para Donald Trump, o antigo governo americano, liderado por Barack Obama, “não fazia a mínima ideia do que estava a fazer” ao gastar 7 mil milhões de dólares para modernizar o sistema de aviação dos Estados Unidos da América. Ao contrariar esta opção do antecessor, o republicano tem como objetivo focar-se apenas no papel de regulador de segurança, de acordo com um plano administrativo do plano.

O esboço do plano para aviação, citado pelo WP, explicita que a passagem de todos os ativos de controlo de tráfego aéreo, nos quais se inclui as torres de controlo e sistemas de identificação, para o domínio privado para uma entidade privada sem fins lucrativos não terá qualquer custo.  “O sistema [de aviação] em vigor não pode continuar, não conseguiu manter-se durante muitos anos”, afirmou Donald Trump, aquando de uma cerimónia da Casa Branca. “Ainda estamos presos num sistema antigo, acabado, antiquado, horrível, que não funciona”, sublinhou o presidente americano.

Ler mais
Recomendadas

Indústria Alimentar: o caminho da digitalização

No contexto da Indústria Alimentar, as organizações para se adaptarem necessitam de investir, e, atualmente, as tecnologias digitais chave passam pela: Robótica, Serviços móveis, Tecnologia Cloud, Internet-of-Things, Cibersegurança, Big Data e Analítica avançada, Impressão 3D, Inteligência Artificial e Social Media. Os consumidores, também eles cada vez mais nativos digitais, ditam tendências e as indústrias adaptam-se, quer […]

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.

Procrastinação ou a coragem de mudar

É preciso saber e decidir sem vacilar. Caso contrário, faremos parte das fotos guardadas no baú. Para mais tarde recordar.
Comentários