BCP avança mas de 2% e impulsiona PSI 20

Os setores da banca e da energia impulsionam a bolsa lisboeta. Apesar do choque dos resultados das eleições no Reino Unido, as bolsas europeias seguem animadas esta sexta-feira.

O PSI 20 segue esta sexta-feira em terreno positivo, impulsionado pelos setores da banca e energia. Apesar do sentimento de incerteza na Europa depois das eleições no Reino Unido, as bolsas negociam positivas e o principal índice nacional sobe 0,53% para 5.268,00, com 11 cotadas no verde e as restantes oito no vermelho.

A liderar os ganhos em Portugal está a Pharol, que avança 2,89% para 0,285 euros por ação. Na banca, o BCP ganha 2,67% para 0,231 euros, enquanto as unidades de participação da Caixa Económica Montepio Geral valorizam 1,39% para 0,509 euros.

Na energia, a EDP sobe 0,31% para 3,246 euros e a EDP Renováveis ganha 0,17% para 6,967 euros. Em sentido contrário, a Galp desliza 0,04% para 13,375 euros. Também a penalizar o PSI 20 estão a Corticeira Amorim (-0,27%), a REN (-0,38%) e a Mota-Engil (-0,76).

Relacionadas

Quinta-feira agitada e Montepio arrastam PSI 20

Tombo de 10,83% do Montepio pesou decisivamente no índice nacional, que não conseguiu encerrar a sessão com um bom resultado. Draghi e eleições no Reino Unido impõem-se também como fatores influenciadores na praça.

Libra afunda com incerteza política no Reino Unido

A perda de lugares no Parlamento britânico dos Conservadores para os Trabalhistas e a hipótese de um hung parliament está a penalizar a moeda.
Recomendadas

PSI 20 acompanha Europa em alta. Títulos do Grupo EDP impulsionam praça nacional

O principal índice bolsista português soma 0,46%, para 4.855,54 pontos.

Abrandamento da economia poderá ser entrave para Moody’s igualar as pares na avaliação de Portugal

A Moody’s tem agendada uma avaliação à notação da dívida soberana portuguesa esta sexta-feira. A agência poderá querer alinhar-se com a S&P e a Fitch através de uma subida de um grau para ‘Baa2’, mas as incertezas que estão a esfriar o crescimento da economia global poderão ser motivo para manter o ‘status quo’.

Acalmia cambial trouxe bons resultados em Wall Street

O índice tecnológico S&P, .SPL.RCT, que inclui empresas que têm uma maior exposição ao mercado chinês e estiveram no centro das vendas registadas na segunda-feira, foi aquele que mais valorizou nesta sessão, com um crescimento de 1,61%.
Comentários