Bolsas europeias em alta à espera da Fed

As bolsas na Europa estão hoje a negociar em terreno positivo, após terem subido na Ásia, à espera dos resultados da reunião da Reserva Federal norte-americana. Às 08h20, o índice Euro Stoxx 50 valorizava 0,41% para 3.048,45 pontos, com as principais praças europeias a variarem entre os 0,06% de Milão e os 0,75% de Frankfurt, […]

As bolsas na Europa estão hoje a negociar em terreno positivo, após terem subido na Ásia, à espera dos resultados da reunião da Reserva Federal norte-americana.

Às 08h20, o índice Euro Stoxx 50 valorizava 0,41% para 3.048,45 pontos, com as principais praças europeias a variarem entre os 0,06% de Milão e os 0,75% de Frankfurt, e Lisboa a seguir também no verde.

Além disso, Londres subia 0,53%, França ganhava 0,41% e Madrid recuperava 0,15%.

Num dia sem qualquer divulgação de indicadores macroeconómicos de relevo na Europa, os investidores vão estar “atentos às conclusões” da reunião de política monetária nos Estados Unidos, segundo a agência de informação financeira Bloomberg.

A destacar, apenas, a saída do indicador da confiança dos consumidores em França no mês de outubro e os resultados das empresas europeias que têm permitido “acalentar esperanças positivas” para os investidores, apesar de hoje o Deutsche Bank ter divulgado que no terceiro trimestre do ano registou um prejuízo de 92 milhões de euros.

Na Ásia, índice Nikkei da bolsa de Tóquio fechou em alta de 1,46% e o índice Topix, por sua vez, encerrou a negociação a valorizar 1,49%%.

OJE/Lusa

Ler mais

Recomendadas

PSI 20 acompanha Europa em alta. Títulos do Grupo EDP impulsionam praça nacional

O principal índice bolsista português soma 0,46%, para 4.855,54 pontos.

Abrandamento da economia poderá ser entrave para Moody’s igualar as pares na avaliação de Portugal

A Moody’s tem agendada uma avaliação à notação da dívida soberana portuguesa esta sexta-feira. A agência poderá querer alinhar-se com a S&P e a Fitch através de uma subida de um grau para ‘Baa2’, mas as incertezas que estão a esfriar o crescimento da economia global poderão ser motivo para manter o ‘status quo’.

Acalmia cambial trouxe bons resultados em Wall Street

O índice tecnológico S&P, .SPL.RCT, que inclui empresas que têm uma maior exposição ao mercado chinês e estiveram no centro das vendas registadas na segunda-feira, foi aquele que mais valorizou nesta sessão, com um crescimento de 1,61%.