Candidaturas de professores para 3.500 lugares no quadro ultrapassa as 96 mil

As listas provisórias dos dois concursos externos abertos e do concurso interno para a entrada no quadro de contratados publicadas esta terça-feira o site da Direcção-Geral da Administração Escolar (DGAE) indicam que foram aceites 96.044 candidaturas para o quadro de professores.

O número de candidaturas de professores a um lugar no quadro aproximou-se este ano dos 100 mil. Trata-se de um valor recorde na história dos concursos de colocação de professores, apesar de as vagas terem ficado abaixo dos 3.500, avança o jornal “Público”.

De acordo com as listas provisórias dos dois concursos externos abertos e do concurso interno para a entrada no quadro de contratados publicadas esta terça-feira o site da Direcção-Geral da Administração Escolar (DGAE), foram aceites 96.044 candidaturas para o quadro de professores. O número de candidaturas, no entanto, nunca é igual ao de candidatos, porque os professores podem concorrer não só aos dois concursos, como também a mais do que um grupo de recrutamento.

No entanto, o número de vagas existentes para os professores contratados entrarem na carreira são apenas 3486. Destas, 2.084 foram abertas para o concurso extraordinário e 1.236 para o concurso ordinário.

Recomendadas

Como a Indústria 4.0 pode ajudar a criar a fábrica do futuro

A fábrica do futuro é o centro de uma cadeia de distribuição que combina clientes, fornecedores, distribuidores e parceiros com sistemas analíticos avançados. Isso pode levar a uma “produção perfeita” com o mínimo de tempo de inatividade, negligência, desperdício e ineficiência.

Sustentabilidade no investimento: menos risco, mais valor

Reduzir a quantidade de plásticos descartáveis ou viajar de comboio são duas formas de reduzir a nossa pegada ecológica. E no investimento, o que podemos fazer para reforçar a sustentabilidade?
Comentários