Compensações aos produtores de banana vão ser pagas em Agosto

Secretário com a tutela da Agricultura, Humberto Vasconcelos, promete ajudar e deixa duros reparos ao modelo de gestão do setor no passado.

Agosto é o mês estipulado para que os produtores regionais de banana sejam ressarcidos pelos prejuízos causados pelo temporal de Fevereiro, garante o  Secretário Regional da Agricultura e Pescas.

“Nós temos os levantamentos feitos e vamos durante o mês de Agosto proceder aos seus pagamentos de forma a ressarcirmos os prejuízos de acordo com o que foi estipulado, com o que está publicado, a todos os bananicultores. Também posso dizer que os seguros já  pagaram, todos os bananicultores já receberam”, afiança Humberto Vasconcelos que visitou, ontem, a Mostra da Banana, na Madalena do Mar, no concelho da Ponta do Sol.

O governante aproveitou, ontem, a presença dos produtores de banana para tecer fortes críticas ao modelo que vigorou no passado no setor da banana.

“As cooperativas naquela altura, no fundo, desbarataram milhões de euros, e foi através da empresa pública, com a injecção de dinheiro regional, que se conseguiu colmatar este problema”,  concluiu Humberto Vasconcelos, elogiando o desempenho da Empresa de Gestão do Sector da Banana (GESBA): “no primeiro ano de gestão pública, a empresa deu lucros, o que demonstra bem que o dinheiros públicos são bem utilizados”.

Recomendadas

PremiumO Vinho Madeira que passa de geração em geração desde 1850

O maior desafio do Vinho Madeira é aumentar a produção das castas nobres Sercial, Verdelho, Boal, Malvasia e Terrantez, e diminuir a produção da Tinta Negra, “que já é excessiva”, diz Pereira de Oliveira.

PremiumDireito ainda está “fora de questão” mas “poderia reter” estudantes na região

Para já, não está em cima da mesa a criação de uma licenciatura em Direito na UMa, mas o reitor José Carmo diz que o curso tem procura local.

PremiumO valor do patrocínio num evento como o Rali Vinho Madeira

O Rali Vinho Madeira é um evento que ao longo dos anos tem atraído milhares às estradas madeirenses. Mas nem só de público vive esta prova de desporto motorizado. O patrocínio é outras das vertentes que sustenta e ajuda a levar cada edição a bom porto. Entre os patrocinadores estão marcas e empresas como a MEO e o BPI.
Comentários