Deputado do PSD pede reforço consular em países como a Venezuela

O deputado na Assembleia da República, Paulo Neves, garantiu que os portugueses na Venezuela estão a ser acompanhados e alertou para a necessidade do Governo Regional e da República terem uma estratégia comum para este país da América do Sul.

O deputado do PSD na Assembleia da República, Paulo Neves, afirmou que tem insistido com o governo central no sentido de reforçar o pessoal consular em locais como a Venezuela, Colômbia, Brasil, Inglaterra ou Espanha tendo em conta que estão a partir muitos portugueses da Venezuela para estes países. O social democrata garantiu ainda que os portugueses na Venezuela estão a ser acompanhados e que as autoridades portuguesas vão ter redobrada atenção com o aproximar das eleições neste país da América do Sul.

“Também nessas embaixadas e nesses consulados, tem de existir uma maior sensibilidade do pessoal para esta questão”, disse Paulo Neves sofre a necessidade de se fazer um reforço no pessoal consular em países como a Venezuela, Colômbia, Brasil, Inglaterra ou Espanha países para os quais têm partidos muitos portugueses da Venezuela como refere o deputado social democrata.

Paulo Neves disse ainda que os portugueses na Venezuela “estão a ser acompanhadas” e rejeitou a ideia destas pessoas “estarem abandonadas”.

O social democrata acrescentou que o Governo Regional está a acompanhar “com muita atenção” os problemas da comunidade na visita que fez na passada segunda-feira ao Centro das Comunidades Madeirenses a convite da Secretaria Regional da Educação.

“O exemplo que o Governo Regional tem dado na receção dos madeirenses da Venezuela, e a dedicação dos funcionários deste Centro tem sido extraordinário”, destacou Paulo Neves.

O deputado na Assembleia da República destacou ainda a necessidade de existir uma “estratégia comum” em relação à Venezuela por parte da República e do executivo da Madeira.

Ler mais
Recomendadas

PremiumO Vinho Madeira que passa de geração em geração desde 1850

O maior desafio do Vinho Madeira é aumentar a produção das castas nobres Sercial, Verdelho, Boal, Malvasia e Terrantez, e diminuir a produção da Tinta Negra, “que já é excessiva”, diz Pereira de Oliveira.

PremiumDireito ainda está “fora de questão” mas “poderia reter” estudantes na região

Para já, não está em cima da mesa a criação de uma licenciatura em Direito na UMa, mas o reitor José Carmo diz que o curso tem procura local.

PremiumO valor do patrocínio num evento como o Rali Vinho Madeira

O Rali Vinho Madeira é um evento que ao longo dos anos tem atraído milhares às estradas madeirenses. Mas nem só de público vive esta prova de desporto motorizado. O patrocínio é outras das vertentes que sustenta e ajuda a levar cada edição a bom porto. Entre os patrocinadores estão marcas e empresas como a MEO e o BPI.
Comentários