“Dietas milagrosas” contrariam forma saudável de perder peso, alerta Deco

Para perder peso e manter a saúde, a dieta deve ser variada, eliminar os alimentos hipercalóricos, contemplar nunca menos de 1200 quilocalorias diárias (no caso das mulheres) e 1500 quilocalorias (no caso dos homens).

Perder 14 kg em um mês, sem exercício físico e sem passar fome é certamente um engano!

Não existem receitas mágicas para perder peso. A única forma saudável para emagrecer e manter o peso é reduzir a ingestão de calorias e gastar mais energia.

Logo à partida o consumidor tem de verificar se necessita mesmo de perder peso e de quantas calorias necessita diariamente. Se acusar quilos a mais, terá de mudar de hábitos, para eliminar as gorduras em excesso e manter o peso saudável.

A acumulação de gordura deve-se, na maioria das vezes, a hábitos alimentares desadequados e à falta de atividade física. Uma dieta de emagrecimento não deve visar apenas a perda de peso imediata, mas a correção gradual desses hábitos, de modo a garantir resultados duradouros.

Para perder peso e manter a saúde, a dieta deve ser variada, eliminar os alimentos hipercalóricos, contemplar nunca menos de 1200 quilocalorias diárias (no caso das mulheres) e 1500 quilocalorias (no caso dos homens).

Conciliar dieta e exercício físico

Além de um plano alimentar adequado à sua estrutura física, sexo, idade e até profissão, o consumidor deve juntar a prática regular de exercício físico.

O ideal é a prática diária de exercício. Se não for possível, faça-o, pelo menos, três vezes por semana e, no mínimo, meia hora em cada sessão. Os exercícios aeróbicos, como a corrida, o ciclismo ou a dança, por serem de intensidade moderada, podem ser mantidos durante mais tempo. Permitem um consumo elevado de calorias. Comece devagar e aumente a intensidade e o tempo de forma gradual.

8 Erros que estragam a dieta

  1. Saltar refeições. O ideal é comer 5 vezes ao longo do dia: pequeno-almoço, almoço, jantar e lanche a meio da manhã e da tarde.
  2. Cortar por completo nas calorias. As dietas restritivas em termos de calorias são prejudiciais, pois o organismo adapta-se aos períodos de carência e torna-se difícil perder peso.
  3. Eliminar completamente determinados alimentos. O equilíbrio é fundamental para garantir ao organismo todos os nutrientes necessários ao seu bom funcionamento. minerais, água e fibras.
  4. Comer alimentos muito calóricos, como as barras energéticas. Não vale a pena fazer exercício físico se logo a seguir ingere a mesma quantidade de calorias – ou mais – do que as que queimou.
  5. Estar sempre de dieta. Um dos problemas dos regimes alimentares é que tendem a ser monótonos. Permita-se a comer uma refeição normal por semana.
  6. Ingerir bebidas alcoólicas. Um grama de álcool tem 7 quilocalorias.
  7. Tomar medicamentos para emagrecer. Só se justificam em casos extremos e com acompanhamento médico, pois têm efeitos secundários.
  8. Acreditar em dietas ou produtos “milagrosos”. Não há nenhum método que permita perder peso sem esforço e em tempo recorde.

Varie de alimentos e inove nas suas refeições. Não se esqueça que não deve passar mais de três horas e meia sem comer

Informe-se com a DECO.

Procure-nos em: DECO MADEIRA está à sua espera na Loja do Munícipe do Caniço, Edifício Jardins do Caniço loja 25, Rua Doutor Francisco Peres; 9125 – 014 Caniço; deco.madeira@deco.pt

Ler mais
Recomendadas

Saiba quais as medidas de segurança nos locais destinados à dança

É obrigatório ter serviço de vigilância com recurso a segurança privada, aplicável obrigatoriamente em espaços com lotação igual ou superior a 200 pessoas.

Está à procura de um sítio para ficar estas férias? Deco sugere Eco Hotel

Ao estar a selecionar a opção de ficar num alojamento Ecológico, está também a contribuir para garantir mais sustentabilidade e um meio ambiente muito melhor.
Comentários