Estados Unidos da América, Suíca, e Brasil são os países que mais gastam no turismo da Madeira

Os turistas estrangeiros gastam em média 123,94 euros por dia na Madeira. França, Itália e Reino Unido são os países que menos gastam na Região.

Porto do Funchal (foto: APRAM – Portos da Madeira)

Os Estados Unidos da América, Suíca, e Brasil, são os turistas estrangeiros que mais dinheiro gastam na Madeira, diz o Inquérito ao Turismo Internacional, publicado pela Direcção Regional de Estatística (DREM), que foi apresentado na passada segunda-feira no decorrer do primeiro congresso regional de estatística.

Os turistas estrangeiros que visitaram a Madeira gastaram em média 123,94 euros por dia, em 2016, diz o Inquérito ao Turismo Internacional, realizado pela Direcção Regional de Estatística (DREM). Este valor representa um aumento face ao valor registado, em 2013, que se fixou em 116,27 euros, diz o estudo da DREM.

Os turistas que mais gastaram na Madeira tiveram origem do Brasil, Suíca e Estados Unidos da América, com 173,96 euros, 154,58 euros e 153,93 euros. Já França (106,37€), Itália (114,35€) e Reino Unido (119,11€) foram os países com os registos mais baixos.

O Inquérito ao Turismo Internacional, realizado pela DREM, teve 13 407 entrevistas validadas e abrangeu o aeroporto da Madeira e o porto do Funchal.

Relacionadas

Turismo ganha relevo na Madeira que foi novamente considerada o melhor destino insular da Europa

O turismo registou uma subida de 0,5% nos proveitos totais, em abril, na Madeira, e tem cada vez mais maior influência na economia da Região Autónoma.

Requalificação da oferta do alojamento e do produto entre os desafios do turismo da Madeira

A aposta na qualidade do serviço e da experiência turística é outro dos desafios constantes do estudo da pwc que foi apresentado no workshop promovido pelo Millennium BCP e pela Confederação do Turismo Português na Casa da Luz.

Turismo já beneficiou de 35 milhões de euros de investimento no Madeira 14-20

Para além do Madeira 14-20 o Intervir + já aprovou 104 projectos num investimento de 63 milhões de euros e 21 milhões de euros de incentivo.

Turismo continua tendência de subida na Madeira, Alojamento Local representa 13,7% das dormidas

A hotelaria representou 84,5% das dormidas, em março, na Madeira. Os mercados da Grã-Bretanha e da Alemanha voltaram a registar quebras. Os proveitos totais e de aposentos 34,3 e aos 22,8 milhões de euros.
Recomendadas

PremiumO Vinho Madeira que passa de geração em geração desde 1850

O maior desafio do Vinho Madeira é aumentar a produção das castas nobres Sercial, Verdelho, Boal, Malvasia e Terrantez, e diminuir a produção da Tinta Negra, “que já é excessiva”, diz Pereira de Oliveira.

PremiumDireito ainda está “fora de questão” mas “poderia reter” estudantes na região

Para já, não está em cima da mesa a criação de uma licenciatura em Direito na UMa, mas o reitor José Carmo diz que o curso tem procura local.

PremiumO valor do patrocínio num evento como o Rali Vinho Madeira

O Rali Vinho Madeira é um evento que ao longo dos anos tem atraído milhares às estradas madeirenses. Mas nem só de público vive esta prova de desporto motorizado. O patrocínio é outras das vertentes que sustenta e ajuda a levar cada edição a bom porto. Entre os patrocinadores estão marcas e empresas como a MEO e o BPI.
Comentários