F. Ramada sobe mais de 6% após anúncio da entrada no PSI 20

A empresa de aços, armazenagem e ativos florestais está a cotar nos 13,10 euros, o que corresponde ao valor mais elevado desde o final do mês de fevereiro.

Lucas Jackson/Reuters

A F. Ramada está esta quarta-feira a negociar em alta, depois de ter sido anunciada pela gestora do mercado de capitais português, Euronext, a sua entrada no principal índice nacional. A empresa de aços, armazenagem e ativos florestais soma 6,50%, para 13,10 euros, o que corresponde ao valor mais elevado desde o final do mês de fevereiro.

A Euronext anunciou esta terça-feira a entrada da empresa liderada por João Borges de Oliveira no PSI 20, em substituição da Novabase que está de saída do índice.

A F. Ramada conta com uma capitalização em bolsa de 333,3 milhões de euros e, desde o início do ano, acumulou um ganho de 23,46%.

A alteração será efetivada no dia 19 de março. O PSI 20 vai continuar a ser composto por 18 títulos, tendo em conta que não há cotadas com níveis de liquidez suficientes para preencher os requisitos da Euronext. O principal índice português cumpre assim o mínimo exigido de acordo com as regras do mercado.

Em sentido inverso, a Novabase – que está de saída do PSI 20 – perde 2,76%, para 2,82 euros.

Relacionadas

PSI 20: Entra F. Ramada e sai Novabase

A empresa de aços, armazenagem e ativos florestais foi a escolhida pela gestora do mercado de capitais português para integrar o índice mais importante da bolsa portuguesa. O PSI 20 continua na prática a ser o PSI 18.

F. Ramada assegura controlo de 99% da Socitrel

Esta aquisição irá permitir à Ramada Investimentos diversificar a sua actividade industrial entrando numa nova área de negócio, mas está ainda dependente da autorização da Autoridade da Concorrência.

F. Ramada coloca no mercado 10% de ações próprias

O montante desta colocação ascendeu a mais de 18 milhões de euros.

F. Ramada espera mais-valia de 40 milhões com venda da BASE Holding

A BASE Holding opera no setor da saúde e atingiu o ano passado uma faturação consolidada de cerca de 80 milhões de euros.
Recomendadas

PSI 20 acompanha Europa em alta. Títulos do Grupo EDP impulsionam praça nacional

O principal índice bolsista português soma 0,46%, para 4.855,54 pontos.

Abrandamento da economia poderá ser entrave para Moody’s igualar as pares na avaliação de Portugal

A Moody’s tem agendada uma avaliação à notação da dívida soberana portuguesa esta sexta-feira. A agência poderá querer alinhar-se com a S&P e a Fitch através de uma subida de um grau para ‘Baa2’, mas as incertezas que estão a esfriar o crescimento da economia global poderão ser motivo para manter o ‘status quo’.

Acalmia cambial trouxe bons resultados em Wall Street

O índice tecnológico S&P, .SPL.RCT, que inclui empresas que têm uma maior exposição ao mercado chinês e estiveram no centro das vendas registadas na segunda-feira, foi aquele que mais valorizou nesta sessão, com um crescimento de 1,61%.
Comentários