FENPROF quer mais 20 mil professores nos quadros

Mais 20 mil professores nos quadros até 2019 é a exigência da FENPROF. Ministério propõe mais 100 para o novo ano.

A FENPROF promete manifestações de docentes caso a proposta apresentada pelo ministério se concretize, divulgou a Agência Lusa.

Mário Nogueira, secretário-geral da FENPROF, classificou como “extremamente redutora” a medida de vinculação extraordinária de docentes com 20 anos de serviço prestado com habilitação profissional, que apenas integraria 100 docentes.

A FENPROF acusa a tutela de Tiago Brandão Rodrigues de não apresentar um novo documento de negociação no prazo estabelecido. A Federação propõe, assim, que todos os docentes com 15 ou mais anos de serviço entrem nos quadros a 1 de Setembro de 2017, que todos os docentes com dez ou mais anos de serviço entrem a 1 de setembro de 2018 e, a 1 de setembro de 2019, sejam vinculados todos os docentes com cinco ou mais anos de serviço.

 

Recomendadas

Governo abre 85 vagas para estágios profissionais destinadas a jovens até 29 anos

Estas vagas destinam-se aos chamados jovens “nem-nem” (nem estudam, nem trabalham). As candidaturas estão abertas até às 18h00 do dia 30 de setembro.

Oito portugueses entre os vencedores do maior programa universitário de inovação digital da Europa

O European Innovation Academy é o maior programa universitário de aceleração em Inovação Digital da Europa. A terceira edição realizou-se entre os dias 14 de julho e 2 de agosto. Há oito portugueses entre os vencedores, com projetos que vão desde apoio a invisuais e a crianças com doenças crónicas até bicicletas com airbaigs.

Martin Kern: “Uma economia não se mede apenas pelo número de unicórnios”

Em entrevista ao Jornal Económico, o diretor do Instituto Europeu da Inovação e da Tecnologia refere que o aumento orçamental proposto pela Comissão Europeia para os próximos anos pode beneficiar as startups e as atividades de investigação em Portugal.
Comentários