Faculdade de Economia do Porto abre portas a 400 oportunidades de emprego e estágio

A 18º FJC Porto de Emprego, que se realiza na Faculdade de Economia, incorpora como novidade várias oportunidades para alunos de engenharia.

A Faculdade de Economia da Universidade do Porto anuncia um número recorde de empresas e de oportunidades profissionais na 18.ª edição da FJC Porto de Emprego. No total serão cerca de 60 empresas, de distinção nacional e posicionamento internacional, mais dez do que no ano passado.

Na iniciativa, que decorre dias  6 e 7 de março, a Faculdade de Economia, são esperados para cima de 7 mil estudantes, que terão ao seu dispor mais de 400 oportunidades de emprego e estágio.

A 18ª edição traz ainda mais novidades: entre as mais de 400 ofertas para estudantes, existem cerca de 30 oportunidades para alunos de engenharia. “É a primeira vez que empresas deste setor estarão a apresentar-se aos alunos e a recrutar”, destaca a organização em comunicado.

Um dos momentos altos é o ‘Speed Recruitment’, que decorre no primeiro dia do evento: 22 alunos terão a oportunidade de participar individualmente numa entrevista com 22 empresas, em períodos de cinco minutos. “Grande parte dos alunos sairão do painel com oportunidades de emprego ou estágios e novas fases de entrevistas”, acrescenta o documento.

O certame é organizado pela FEP Junior Consulting, empresa de consultoria da FEP, em parceria com o Serviço de Relações Externas e Integração Académica da Faculdade de Economia da Universidade do Porto e a entrada gratuita.

 

Ler mais
Recomendadas

Governo abre 85 vagas para estágios profissionais destinadas a jovens até 29 anos

Estas vagas destinam-se aos chamados jovens “nem-nem” (nem estudam, nem trabalham). As candidaturas estão abertas até às 18h00 do dia 30 de setembro.

Oito portugueses entre os vencedores do maior programa universitário de inovação digital da Europa

O European Innovation Academy é o maior programa universitário de aceleração em Inovação Digital da Europa. A terceira edição realizou-se entre os dias 14 de julho e 2 de agosto. Há oito portugueses entre os vencedores, com projetos que vão desde apoio a invisuais e a crianças com doenças crónicas até bicicletas com airbaigs.

Martin Kern: “Uma economia não se mede apenas pelo número de unicórnios”

Em entrevista ao Jornal Económico, o diretor do Instituto Europeu da Inovação e da Tecnologia refere que o aumento orçamental proposto pela Comissão Europeia para os próximos anos pode beneficiar as startups e as atividades de investigação em Portugal.
Comentários