Greve a quanto obrigas! Metade dos passageiros já alteraram reservas

Quase metade dos passageiros com reserva para voar na TAP na quinta-feira e no sábado, dias de greve dos tripulantes de cabine, já cancelaram ou reagendaram as suas viagens, de acordo com a companhia aérea nacional. A TAP informou que, “no momento em que foi conhecida a greve, estavam reservados 55 mil passageiros no total […]

Quase metade dos passageiros com reserva para voar na TAP na quinta-feira e no sábado, dias de greve dos tripulantes de cabine, já cancelaram ou reagendaram as suas viagens, de acordo com a companhia aérea nacional.

A TAP informou que, “no momento em que foi conhecida a greve, estavam reservados 55 mil passageiros no total dos dois dias, número que à data de hoje baixou para cerca de 30 mil”, mas ainda assim a companhia antecipa “uma significativa perturbação na operação da companhia nestes dias”.

A transportadora nacional refere estar em condições de garantir apenas a realização dos voos operados pela Portugália Airlines (PGA) e dos voos declarados pelo Conselho Económico e Social como serviços mínimos. Estes voos para quinta-feira são: Lisboa/Funchal/Lisboa, Lisboa/Terceira/Lisboa, Lisboa/São Paulo/Lisboa.

No sábado realizam-se os voos Lisboa/Funchal/Lisboa, Lisboa/Pico/Terceira e Lisboa/São Paulo/Lisboa.

A greve, convocada pelo Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC), filiado na UGT, é repartida em dois períodos, sendo o primeiro entre as 00:00 e as 23:59 de quinta-feira e sábado e a segunda a 30 de novembro e 2 de dezembro.

Em comunicado, o SNPVAC confirmou que a TAP não se mostrou disponível “até ao momento para dialogar”, antecipando uma adesão à greve superior a 90%.

“As razões da greve são lutar contra a postura de intransigência e de incumprimento do Acordo de Empresa, desde 2006” pela TAP, afirmou Nuno Fonseca da direção do sindicato à Lusa, adiantando que a transportadora não respeita o direito dos trabalhadores a um fim de semana em cada sete semanas, nem os direitos das mães com filhos em idade de amamentação.

“Incompreensivelmente estão a ser nomeadas para serviços noturnos, o que é claramente ilegal”, refere no comunicado.

 

OJE/Lusa

Ler mais
Recomendadas

Indústria Alimentar: o caminho da digitalização

No contexto da Indústria Alimentar, as organizações para se adaptarem necessitam de investir, e, atualmente, as tecnologias digitais chave passam pela: Robótica, Serviços móveis, Tecnologia Cloud, Internet-of-Things, Cibersegurança, Big Data e Analítica avançada, Impressão 3D, Inteligência Artificial e Social Media. Os consumidores, também eles cada vez mais nativos digitais, ditam tendências e as indústrias adaptam-se, quer […]

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.

Procrastinação ou a coragem de mudar

É preciso saber e decidir sem vacilar. Caso contrário, faremos parte das fotos guardadas no baú. Para mais tarde recordar.