Guterres pede investigação “independente e transparente” a incidentes em Gaza

O secretário-geral da ONU revelou-se extremamente preocupado com os confrontos na Faixa de Gaza e apelou a todos os envolvidos que se abstenham de qualquer acto que possa causar mais vítimas e medidas que possam colocar civis em risco.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, revelou-se “profundamente preocupado” com os confrontos na Faixa de Gaza e pediu uma investigação independente e transparente a incidentes em Gaza.

Segundo uma nota do seu porta-voz, divulgada na página oficial da ONU, Guterres pede ainda “a todos os envolvidos que se abstenham de qualquer ato que possa causar mais vítimas, em particular quaisquer medidas que possam colocar civis em risco”.

O líder da ONU acredita que “esta tragédia sublinha a necessidade de revitalizar o processo de paz, com o objetivo de criar condições para um regresso das negociações que vão permitir que palestinos e israelitas vivam lado a lado em paz e segurança”.

António Guterres volta a afirmar que “a ONU está pronta para ajudar estes esforços”.

De recordar que novos confrontos, na Faixa de Gaza, na passada sexta-feira, elevaram o número de mortos para 12, de acordo com a agência Reuters. Foram também reportados ataques como gás lacrimogêneo.

Relacionadas

Israel mata 12 palestinianos em Gaza

O exército israelita abriu fogo contra os manifestantes na fronteira que separa os dois territórios poucas horas antes do início da ‘Marcha de Regresso’.
Recomendadas

“Que Deus abençoe a memória daqueles em Toledo”. Trump engana-se no nome da cidade do massacre no Ohio

O presidente norte-americano referiu-se referiu a Toledo, e não a Dayton, nas suas observações sobre um dos recentes massacres onde morreram nove pessoas e outras 27 ficaram feridas.

A “Casa de Papel” na vida real: Assalto à Casa da Moeda do México leva dos cofres 50 milhões em menos de 4 minutos

Os assaltantes conseguiram desarmar um guarda e furar todas as barreiras de segurança até chegarem ao cofre de segurança, que estaria aberto. Em menos de quatro minutos, o grupo de homens roubou e fugiu do edifício sem que a polícia tivesse sequer chegado.

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.
Comentários