Incêndio consome parte das antigas instalações da Electra

Um incêndio ocorrido ontem, 26, consumiu parte das antigas instalações da Central Eléctrica, na Gamboa, Cidade da Praia, estando ainda por explicar as causas desta ocorrência. A administração da empresa já mandou abrir um inquérito para apurar a origem das chamas.

Segundo o presidente do conselho de administração (PCA) da Electra, Alcindo Mota, o incêndio foi rapidamente controlado, graças a um trabalho de combate que envolveu os Bombeiros Municipais, a ASA, a Polícia Militar e a Protecção Civil, que se deslocaram ao local. O responsável anunciou que a Electra vai agora abrir uma inquérito para apurar as causas deste incêndio.

Segundo informações recolhidas no local, o fogo começou na sala de tratamento de combustível, embora o PCA da Electra não quisesse confirmar esta informação, limitando-se apenas a dizer que as chamas deflagaram no espaço contíguo à antiga central que neste momento está desactivada.

A Inforpress constatou no local que, ao lado do espaço que foi consumido pelo fogo, estava um depósito de combustível, para além de um outro localizado detrás do referido espaço e pertencente a uma empresa de telecomunicações.

Questionado se houve qualquer risco do fogo atingir estes depósitos e se estes tinham combustíveis, Alcindo Mota referiu apenas que a actuação imediata dos bombeiros permitiu circunscrever rapidamente o fogo.

“Não houve qualquer perigo em relação aos tanques, quer da empresa que está aqui ao lado, quer aqui na Electra. O que queremos dizer de facto é passar uma mensagem de tranquilidade (…) e iremos averiguar as razões subjacentes a este acontecimento lamentável e medidas correctivas futuras serão tomada, obviamente”, disse, sem avançar se os tanques tinham combustível ou não.

Conforme explicou, com o funcionamento da Central Única em Palmarejo, nesta parte antiga da Central apenas existia uma subestação, isto é, uma parte da rede de distribuição que garante a provisão de energia para o Platô, Fazenda e Zonas Baixas da Cidade.

Como medida cautelar, de imediato, foi desligada esta estação, fazendo com que essas zonas ficassem sem energia eléctrica. Entretanto, garantiu que os técnicos já estão a trabalhar para que nos próximos minutos a situação seja resolvida.

Ler mais
Recomendadas

Cabo Verde Airlines arranca com nova operação inter-ilhas com as portuguesas Lease-Fly e Newtour

A companhia aérea cabo-verdiana, anunciou hoje uma “parceria estratégica” com as portuguesas Lease-Fly e Newtour para os voos domésticos entre ilhas naquele arquipélago e garantindo assim a conectividade ao ‘hub’ internacional na ilha do Sal.

Grupo militar na Renamo recusa entregar armas sem eleger novo presidente do partido

O líder do braço armado da Renamo que contesta a liderança do partido recusou hoje entregar as armas no quadro do acordo de paz assinado com o Governo sem que seja eleito um novo presidente da formação política.

Governo cabo-verdiano disponibiliza 15 mil contos para reabilitar escolas na ilha de Santiago

O governo de Cabo Verde vai, através do Ministério da Educação, conceder este montante para estabelecimentos de ensino nos concelhos do Tarrafal e Santa Catarina.
Comentários