Incêndios na Grécia: as imagens da destruição que já vitimou mais de 60 pessoas

Para além das vítimas mortais há mais de 170 feridos pelo fogo que já consumiu hectares de floresta perto da capital Atenas. Não há registo de portugueses entre as vítimas.

Os sete grandes incêndios que têm estado a consumir vários hectares de florestas na Grécia já provocaram a morte a mais de 60 pessoas e fizeram mais de 170 feridos.

Desde a tarde de segunda-feira que o fogo tem alastrado na região de Mati, próxima da capital Atenas, tendo destruído várias casas, automóveis e deixando um rasto de destruição. Os ventos fortes que se têm feito sentir não estão a ajudar os bombeiros.

Portugal já enviou dois meios aéreos para ajudar no combate aos incêndios e o Governo está a acompanhar com atenção toda esta situação, até porque existem perto de 800 portugueses que vivem naquele país. Até ao momento não existem notícias de qualquer vítima portuguesa.

Relacionadas

Não há registo de portugueses entre vítimas dos incêndios na Grécia

O ministro dos Negócios Estrangeiros disse hoje à Lusa que não há, até ao momento, registo de portugueses entre as vítimas ou desaparecidos nos incêndios que atingem a Grécia e que já causaram pelo menos 50 mortos.

Governo português acompanha situação na Grécia

O Governo português está a acompanhar de forma atenta, através dos serviços consulares, a situação dos incêndios na Grécia, que já provocaram 50 mortos e 156 feridos, alguns em estado crítico.

Novo balanço aponta para pelo menos 50 mortos e 156 feridos nos incêndios na Grécia

Os fogos que lavram na Grécia causaram pelo menos 50 mortos e 156 feridos, alguns em estado crítico, de acordo com os últimos dados da Proteção Civil grega, avançou hoje a agência de notícias Efe.
Recomendadas

“Que Deus abençoe a memória daqueles em Toledo”. Trump engana-se no nome da cidade do massacre no Ohio

O presidente norte-americano referiu-se referiu a Toledo, e não a Dayton, nas suas observações sobre um dos recentes massacres onde morreram nove pessoas e outras 27 ficaram feridas.

A “Casa de Papel” na vida real: Assalto à Casa da Moeda do México leva dos cofres 50 milhões em menos de 4 minutos

Os assaltantes conseguiram desarmar um guarda e furar todas as barreiras de segurança até chegarem ao cofre de segurança, que estaria aberto. Em menos de quatro minutos, o grupo de homens roubou e fugiu do edifício sem que a polícia tivesse sequer chegado.

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.
Comentários