Tiroteios no Parlamento do Irão e no Mausoléu de Khomeini

A imprensa iraniana avança que pelo menos uma pessoa terá morrido e outras oito terão ficado feridas. Até ao momento, as autoridades terão detido dois atacantes.

Raheb Homavand / Reuters

Um tiroteio junto ao Parlamento iraniano, em Teerão, fez esta quarta-feira de manhã vários feridos, depois de um homem ter disparado indiscriminadamente sobre as autoridades de segurança. Ao mesmo tempo, outro homem armado terá feito disparos e ter-se-á feito explodir no mausoléu do aiatola Khomeini, no sul da capital do Irão.

A imprensa iraniana avança que até ao momento há registo de pelo menos sete vítimas mortais e várias pessoas terão ficado feridas. As autoridades terão detido dois atacantes.

O deputado Seyyed Naqavi-Hosseini presente no Parlamento conta à imprensa que havia pelo menos três homens armados com Kalashnikov dentro do complexo parlamentar. Os atacantes terão ainda feito vários reféns dentro do Parlamento e detonado uma bomba.

Noutro ponto da cidade, no sul, à mesma hora outro homem armado ter-se-á feito explodir no mausoléu do aiatola Khomeini, fundador da república iraniana, segundo informação divulgada pelas agências iranianas ILNA e Tasnim.

(em atualização)

 

Ler mais
Recomendadas

“Que Deus abençoe a memória daqueles em Toledo”. Trump engana-se no nome da cidade do massacre no Ohio

O presidente norte-americano referiu-se referiu a Toledo, e não a Dayton, nas suas observações sobre um dos recentes massacres onde morreram nove pessoas e outras 27 ficaram feridas.

A “Casa de Papel” na vida real: Assalto à Casa da Moeda do México leva dos cofres 50 milhões em menos de 4 minutos

Os assaltantes conseguiram desarmar um guarda e furar todas as barreiras de segurança até chegarem ao cofre de segurança, que estaria aberto. Em menos de quatro minutos, o grupo de homens roubou e fugiu do edifício sem que a polícia tivesse sequer chegado.

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.
Comentários