Já foram resgatados dois dos treze jovens que estavam presos numa gruta na Tailândia

Um terceiro elemento em breve pode chegar à superfície, refere o Telegraph. A operação de resgate, que envolve 18 mergulhadores, começou este domingo e pode prolongar-se por quatro dias.

Já foram resgatados dois dos 13 jovens que estavam presas numa gruta na Tailândia. A operação de resgate, que envolve 18 mergulhadores, começou este domingo e a previsão é que seja necessário entre dois a quatro dias para retirar as restantes pessoas.

A confirmação foi dada pelo responsável pelo departamento de Saúde, de Chiang Rai, à Reuters. “Já foram resgatados dois jovens que estão no hospital que temos montado perto da gruta onde estão a ser examinados”, explicou à mesma publicação.

O Telegraph avança que um terceiro elemento “está fora de perigo” e em breve “pode chegar à superfície”. De acordo com a mesma publicação o governador de Chiang Rai, referia que este dia era importante tendo em conta que os níveis de água “estão mais baixos” mas adianta que está prevista uma nova tempestade para breve que pode trazer outros desafios para esta operação de resgate.

O ministério da Defesa confirmou que quatro jovens já chegaram à última câmara da gruta, onde está instalada a base de operações de resgate, embora dois deles ainda não tenham chegado à superfície.

De referir que os 13 jovens ficaram presos na gruta, que estavam a explorar, depois de se terem abatido chuvas na Tailândia.

Relacionadas

Operação de resgate de jovens e treinador retidos em gruta na Tailândia pode demorar entre dois a quatro dias

A primeira saída da gruta está prevista para as 15h00. Na operação de resgate estão envolvidos 18 mergulhadores.

Crianças presas em gruta na Tailândia escrevem carta a familiares a dizer que estão bem

Os 12 jovens e o treinador de futebol presos numa caverna a norte da Tailândia há duas semanas conseguiram conversar com seus familiares através de cartas, onde dizem estar bem.
Recomendadas

“Que Deus abençoe a memória daqueles em Toledo”. Trump engana-se no nome da cidade do massacre no Ohio

O presidente norte-americano referiu-se referiu a Toledo, e não a Dayton, nas suas observações sobre um dos recentes massacres onde morreram nove pessoas e outras 27 ficaram feridas.

A “Casa de Papel” na vida real: Assalto à Casa da Moeda do México leva dos cofres 50 milhões em menos de 4 minutos

Os assaltantes conseguiram desarmar um guarda e furar todas as barreiras de segurança até chegarem ao cofre de segurança, que estaria aberto. Em menos de quatro minutos, o grupo de homens roubou e fugiu do edifício sem que a polícia tivesse sequer chegado.

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.
Comentários