Já há financiamento para o terminal de cruzeiros em São Vicente

O vice-primeiro ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, anunciou esta quinta-feira, 22, que o Fundo OPEC para o Desenvolvimento Internacional (OFID) vai disponibilizar cerca de 29 milhões de euros para financiar o terminal de cruzeiros na ilha de São Vicente.

Este projecto, uma parceria entre o Ministério da Economia e do Emprego e o Ministério das Finanças, segundo o governante, será importante para São Vicente, mas também para impulsionar Cabo Verde enquanto destino de turismo de cruzeiros.

“São cerca de 29 milhões de euros, um montante expressivo para a ilha de São Vicente, juntamente com os projectos privados que estão também a ser ultimados. Penso que estaremos em condições de criar um quadro diferente para São Vicente, que merece e que tem todas as condições para ser uma ilha de desenvolvimento”, enfatizou.

Sem avançar uma data concreta, o ministro indicou, no entanto, que posteriormente irá a Washington (Estados Unidos de América) para assinar os contratos e numa outra fase vão lançar o concurso, e só depois vão passar as informações relacionadas com o prazo de execução da obra do terminal de cruzeiros.

Com o financiamento garantido, Olavo Correia afirma que é essencial fazer uma “boa gestão futura deste empreendimento”, por forma a que os resultados sejam impactantes para a ilha e para todo o país.

“Tudo faremos para que tenhamos uma boa gestão e para que a gestão seja capaz de reembolsar este empréstimo e que isso não signifique um aumento do endividamento pela via de uma má gestão deste empreendimento”, realçou.

Recomendadas

Cabo Verde Airlines arranca com nova operação inter-ilhas com as portuguesas Lease-Fly e Newtour

A companhia aérea cabo-verdiana, anunciou hoje uma “parceria estratégica” com as portuguesas Lease-Fly e Newtour para os voos domésticos entre ilhas naquele arquipélago e garantindo assim a conectividade ao ‘hub’ internacional na ilha do Sal.

Grupo militar na Renamo recusa entregar armas sem eleger novo presidente do partido

O líder do braço armado da Renamo que contesta a liderança do partido recusou hoje entregar as armas no quadro do acordo de paz assinado com o Governo sem que seja eleito um novo presidente da formação política.

Governo cabo-verdiano disponibiliza 15 mil contos para reabilitar escolas na ilha de Santiago

O governo de Cabo Verde vai, através do Ministério da Educação, conceder este montante para estabelecimentos de ensino nos concelhos do Tarrafal e Santa Catarina.
Comentários