José Eduardo dos Santos passa a “presidente emérito” após eleições

Proposta do MPLA, o partido do poder, prevê vários privilégios para os antigos chefes de Estado angolanos e seus familiares, incluindo imunidade e, em determinadas situações, o direito a ser julgado apenas perante o Tribunal Supremo.

O presidente angolano José Eduardo dos Santos vai passar a ser designado por “presidente da República emérito”, após as eleições deste ano, que vão eleger o seu sucessor. O chefe de estado cessante terá direito a uma pensão vitalícia no valor de 90% do seu salário durante o último ano de mandato, de acordo com um projeto de lei apresentado pelo grupo parlamentar do MPLA, o partido do poder, noticiou a agência Lusa.

José Eduardo dos Santos é presidente de Angola desde 1979 e deverá passar o testemunho ao vencedor das eleições deste ano. A legislação apresentada pelo MPLA prevê ainda que José Eduardo dos Santos tenha direito a proteção pessoal, imunidade e um lugar no protocolo do estado. O diploma prevê ainda que os ex-presidentes apenas possam ser julgados num foro próprio, para efeitos criminais ou responsabilidade civil, por atos estranhos ao exercício das funções de chefe de Estado. Esse foro próprio será o Tribunal Supremo. Também os conjuges e filhos menores terão direito a segurança e outras medidas previstas no diploma.

A proposta do MPLA abrange também a família de Agostinho Neto, o primeiro presidente de Angola.

Relacionadas

Isabel dos Santos abre guerra à SIC nas redes sociais

Empresária angolana, acionista da NOS e da Zap, atacou a Impresa nas redes sociais, afirmando que a suspensão dos canais da SIC em Angola se deve a “questões comerciais”. Para trás ficaram os tempos em que Isabel dos Santos procurava ser discreta.

Luanda em guerra via Twitter

Quando o suposto líder do mundo livre usa e abusa do Twitter para comprar e combater guerras políticas, não é surpreendente que essa rede social se torne cada vez mais no campo de batalha verbal dos nossos tempos. Este domingo vimos a abertura de uma nova frente, com Isabel dos Santos, empresária e filha do presidente angolano, a visar vários inimigos.

Angola: “Eleições estão a servir como ‘válvula de escape’ para descontentamento”

Paulo Guilherme, analista do Africa Monitor, adverte que o processo eleitoral é “delicado” e realça a influência do MPLA a nível regional.

“Minar as mentes, instalar o terror”: Isabel dos Santos critica imprensa portuguesa

“Estas células e frentes agitadoras tipo grupos activista, jornais PT #fakemedia, rede sociais, tudo para minar as mentes, instalar o terror”, escreveu a mulher mais rica de África no Twitter.

Ministro da Justiça de Angola “estupefacto e incrédulo” com Ministério Público português

O Ministério Público enviou para o Tribunal de Instrução Criminal o caso “Operação Fizz”, apesar de o vice-presidente angolano, Manuel Vicente, não ter sido ainda notificado da acusação. Rui Mangueira afirma que há “situações que demonstram um certo desrespeito pelas nossas autoridades judiciárias”.

Angola: José Eduardo dos Santos está a receber tratamento médico em Espanha

Georges Chikoti desvaloriza as especulações levantadas pelos media em relação ao estado de saúde do líder angolano, dizendo que o presidente “agora está bem”.
Recomendadas

“Que Deus abençoe a memória daqueles em Toledo”. Trump engana-se no nome da cidade do massacre no Ohio

O presidente norte-americano referiu-se referiu a Toledo, e não a Dayton, nas suas observações sobre um dos recentes massacres onde morreram nove pessoas e outras 27 ficaram feridas.

A “Casa de Papel” na vida real: Assalto à Casa da Moeda do México leva dos cofres 50 milhões em menos de 4 minutos

Os assaltantes conseguiram desarmar um guarda e furar todas as barreiras de segurança até chegarem ao cofre de segurança, que estaria aberto. Em menos de quatro minutos, o grupo de homens roubou e fugiu do edifício sem que a polícia tivesse sequer chegado.

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.
Comentários