Looping Group chega a acordo com Mota-Engil e compra Parque Aquático de Amarante

O Looping Group anunciou esta quarta-feira que chegou a acordo com a Mota-Engil para comprar a totalidade do capital da RTA, que detém o Parque Aquático de Amarante, o maior parque de montanha em Portugal, por um valor não revelado.

Mario Proenca/Bloomberg

Em comunicado, o grupo que opera na área de gestão e exploração de parques de diversão adianta que com esta operação, “enquadrada no plano de expansão e desenvolvimento do grupo no sul da Europa, o Looping Group passa a gerir 14 parques de diversões, em sete países diferentes e que, anualmente, atraem mais de 3,5 milhões de visitantes e geram uma faturação superior a 80 milhões de euros”.

O Looping Group não revelou o montante envolvido na compra da totalidade da RTA.

A principal atividade do grupo centra-se nos parques de diversões e temáticos, parques aquáticos, aquários e parques de animais, situados principalmente em França, mas também na Holanda, Alemanha, Reino Unido, Suíça, Espanha e agora também em Portugal, adianta.

Entre os parques detidos ou geridos pela empresa encontram-se a Isla Mágica, de Sevilha, o Aqua Parc, na Suiça, La Mer de Sable, em Paris, entre outros.

O Looping Group, que é detido pelo fundo de investimento de origem belga, ERGON Capital, “tem previsto dar início a um período de transição para analisar e definir as distintas possibilidades de desenvolvimento, com o objetivo de consolidar o projeto no menor tempo possível”.

O Parque Aquático de Amarante, localizado na encosta norte do rio Tâmega, reabre no dia 01 de junho, Dia Da Criança, sendo o maior parque aquático de montanha da Península Ibérica.

Ler mais
Recomendadas

Indústria Alimentar: o caminho da digitalização

No contexto da Indústria Alimentar, as organizações para se adaptarem necessitam de investir, e, atualmente, as tecnologias digitais chave passam pela: Robótica, Serviços móveis, Tecnologia Cloud, Internet-of-Things, Cibersegurança, Big Data e Analítica avançada, Impressão 3D, Inteligência Artificial e Social Media. Os consumidores, também eles cada vez mais nativos digitais, ditam tendências e as indústrias adaptam-se, quer […]

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.

Procrastinação ou a coragem de mudar

É preciso saber e decidir sem vacilar. Caso contrário, faremos parte das fotos guardadas no baú. Para mais tarde recordar.
Comentários