Lucro da Ibersol cai para 2,1 milhões no primeiro trimestre após aquisição da Eat Out

O grupo que detém as marcas Pizza Hut e Burger King em Portugal explicou que uma aquisição em outubro afetou a comparação dos resultados, mas salientou que as vendas subiram num contexto de evolução favorável do mercado.

O lucro líquido da Ibersol desceu para 2,1 milhões de euros no primeiro trimestre, face aos 5,86 milhões de euros ajustado do período homólogo. A comparação é, no entanto, afetada pela compra da Eat Out Group (EOG) em outubro e pelos fatores não-recorrentes que ocorreram no primeiro trimestre de 2016.

“O resultado líquido consolidado no final do primeiro trimestre atingiu o valor de 2,1 milhões de euros, 3,8 milhões de euros inferior que no período homólogo de 2016. Conforme consta no relatório do primeiro trimestre de 2016 o resultado desse período incorporava 3,1 milhões de euros de proveitos não recorrentes”, referiu a Ibersol, em comunicado.

“No primeiro trimestre de 2017 o resultado está muito influenciado pela consolidação da EOG, pelo calendário desfavorável com impactos nas vendas de todo o Grupo e pela redução da taxa de IVA no mercado português”, adiantou.

As receitas do grupo, que detém marcas como a Pizza Hut e Burger King em Portugal e Espanha, subiram para 93 milhões de euros. “A evolução favorável do mercado da restauração, conjugando com os efeitos da aquisição da Eat Out Group no final de Outubro e a abertura de unidades de maior dimensão no final de 2016, permitiu que a Ibersol tenha registado um aumento de vendas de restauração de 76,8%”.

Explicou ainda que eliminando o efeito da aquisição da Eat Out Group, o crescimento de vendas de restauração no primeiro trimestre foi de 16,1%, apesar do efeito calendário negativo de -4,8%, que absorveu na totalidade o impacto decorrente da alteração da taxa de IVA na restauração em Portugal que se verificou no mês de julho do ano anterior.

O EBITDA – resultados antes de juros, impostos, depreciação e amortização, ascendeu a 10,5 milhões de euros, representando um aumento de 52% face a igual período do ano anterior. O EBITDA sem a EOG registou um aumento de 1,7 milhões de euros tendo ascendido a 8,6 milhões de euros, ou seja mais 25,3% do que no trimestre homólogo.

Em relação às perspectivas, a Ibersol salientou que “mantendo-se os sinais positivos de evolução dos indicadores económicos, é de prever que se mantenha a tendência de crescimento das vendas, mantendo-se as margens, sem considerar o efeito de alteração da taxa de IVA em Portugal, que ocorreu no início do segundo semestre do ano passado”.

“No segundo trimestre, à evolução positiva do consumo, acrescem ainda impactos de calendário positivos, nomeadamente as férias da Páscoa em abril e o aumento de tráfego nos shoppings comparativamente ao mês de junho de 2016, muito afectado pelo efeito da transmissão televisiva dos jogos do Europeu de futebol”, acrescentou.

As ações da Ibersol sobe 0,67% para 15 euros, numa sessão em que o índice PSI 20 ganha 0,50%.

A empresa explora uma rede de 649 unidades no ramo da restauração através das marcas que incluem Pizza Hut, Pasta Caffé, Pans & Company, Kentucky Fried Chicken e Burger King. O Grupo possui 497 unidades de exploração própria e 152 em regime de franquia. Deste universo, 323 estão sediadas em Espanha, repartindo-se por 182 estabelecimentos próprios e 141 franquiados, e 10 em Angola.

 

Ler mais
Recomendadas

Makro reforça ligação a empresários de hotelaria e restauração

O objetivo da cadeia grossista é reforçar a relação com os seus clientes, donos de negócios próprios, dando visibilidade a empresários do setor hoteleiro e da restauração a nível nacional, de forma a promover a gastronomia em Portugal.

Mercadona chegou ao Norte mas não bate concorrência. Estes são os supermercados mais baratos

A Deco comparou os preços dos supermercados onde as duas primeiras lojas da cadeia espanhola abriram no país, em Matosinhos e Canidelo. Jumbo mantém-se na liderança.

Continente vai apresentar hoje “o futuro da alimentação”

A marca de grande distribuição do Grupo Sonae MC vai apresentar mais uma categoria de marca própria, a ‘Continente FoodLab’.
Comentários