Luís Filipe Vieira diz que “acabou a paródia” e pede justiça “célere” e igual para todos

“Quero dizer a todos os benfiquistas que, tanto eu como a minha direção, nunca, mas nunca, manchámos a honra ou dignidade do Benfica. Fomos vítimas de um ataque sem precedentes em Portugal. Violaram-nos toda a nossa privacidade, de anos e anos de uma empresa com dimensão mundial. Infelizmente para nós, nada sucedeu até agora e nada sabemos”, afirmou.

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, pediu hoje celeridade à justiça portuguesa e assegurou que os ‘encarnados’ vão agir criminalmente contra quem tem “manchado” a imagem do clube nos últimos tempos.

“Quero dizer a todos os benfiquistas que, tanto eu como a minha direção, nunca, mas nunca, manchámos a honra ou dignidade do Benfica. Fomos vítimas de um ataque sem precedentes em Portugal. Violaram-nos toda a nossa privacidade, de anos e anos de uma empresa com dimensão mundial. Infelizmente para nós, nada sucedeu até agora e nada sabemos”, afirmou.

Após uma conferência de imprensa surpreendentemente curta por parte de Rui Vitória, na sequência do triunfo sobre o Desportivo das Aves (2-0), o líder do Benfica surgiu perante os jornalistas para reagir aos casos que têm assolado a atualidade benfiquista, nomeadamente o ‘caso dos e-mails’ e a operação ‘E-toupeira’.

“As denúncias anónimas funcionaram para o Benfica com um aparato muito especial. Esta instituição, eu e outras pessoas fomos vítimas de visitas às nossas casas e continuo sem compreender. Fizeram-no pela incompetência que tiveram. Não conseguem defrontar a competência que todo o Benfica tem, portanto a única maneira para nos vencer é manchando o nosso nome”, apontou, de forma assertiva.

De resto, Luís Filipe Vieira admitiu que estes casos têm “manchado” a imagem do clube e pediu união a todos os benfiquistas, deixando a certeza de que os ‘encarnados’ vão ripostar nos locais certos, perante a “inveja” de que são alvo.

“Eu e os meus colegas estamos muito determinados. Nada tememos e vamos enfrentar tudo até às últimas consequências. Não posso acreditar que possa haver clubite na Justiça. Exigimos um tratamento igual e que vão a casa de outras pessoas também. Queremos libertar-nos rapidamente disto. Que a justiça seja célere, porque quem manchou o nosso nome tem de ser criminalmente castigado. O Benfica é um clube super invejado em Portugal. É o único que tem futuro, que tem projetos em todas as áreas”, frisou.

Vieira foi perentório nas palavras e terminou de forma cáustica: “A partir deste momento, iremos agir judicialmente contra todos os que ponham em causa o nome do Benfica, sejam administradores, jornalistas. Não iremos perdoar a ninguém. Acabou a paródia à conta do Benfica. A partir de segunda-feira, o Benfica tem um gabinete de crise montado para responder a este momento.”

Ler mais
Recomendadas

Arranca hoje a corrida do FC Porto pela Champions de olho em encaixe de 44 milhões

Sérgio Conceição e os seus homens estão a, pelo menos, 360 minutos de distância de poderem engordar a conta bancária dos azuis e brancos de forma generosa. Este encaixe financeiro é visto como fundamental pela SAD portista. 

Benfica celebra parceria com Placard por três anos

O Sport Lisboa e Benfica acaba de celebrar uma parceria com o Placard.pt que, nos próximos três anos, será o patrocinador oficial de apostas desportivas do clube. Segundo um comunicado do clube da Luz, “o Placard.pt marcará presença relevante tanto no ‘site’ oficial, como nas várias plataformas digitais do Benfica, sendo que ambas as entidades […]

Estádio do Estrela da Amadora na Reboleira vai a leilão por seis milhões de euros

No decorrer de um processo de insolvência do Estrela da Amadora, foi fundado um novo clube, o Clube Desportivo Estrela, que usa as instalações da Reboleira.
Comentários