Mais de três mil produtos no primeiro supermercado ‘online’ dos Açores

Mais de três mil produtos estão disponíveis no primeiro supermercado ‘online’ dos Açores, que iniciou entregas em janeiro, mas diz contar já com clientes regulares e encomendas semanais.

“São 3.450 produtos que estão disponíveis. O supermercado ‘online’ tem clientes muito regulares e em regime semanal e temos vindo a incrementar a oferta, já com uma série de artigos que cremos que são os adequados para a constituição de um cabaz”, afirmou à agência Lusa Júlio Botelho, um dos sócios gerentes da Salgo.pt.

A plataforma está disponível desde 15 de janeiro, e, diz Júlio Botelho, a carteira de clientes tem vindo “a aumentar de forma significativa”, pelo que tem vindo a crescer também o número de produtos à venda.

Júlio Botelho sublinhou que se trata de “um formato inovador nos Açores”, com produtos de “qualidade e diversificados” e com um serviço de entregas, nesta fase, gratuitas.

“É um supermercado ‘online’ nesta fase com uma componente orientada para o setor alimentar, tudo aquilo que são frescos e congelados e uma parte de mercearia e uma parte de conveniência, e, para o não alimentar, de higiene pessoal e desinfeção”, sublinhou.

As cervejas artesanais, as bebidas espirituosas e vários produtos biológico estão igualmente disponíveis à distância de um clique neste modelo de supermercado online.

Com o ‘slogan’ “As suas compras em sua casa”, a Salgo.pt “nasceu da vontade de dois empreendedores de criar uma solução para um problema quotidiano: a falta de tempo”, explicou o responsável da marca, acrescentando que os produtos são entregues em menos de 24 horas.

“O modelo que temos em marcha é diferente, já que temos uma plataforma logística nossa. O polo logístico é na Lagoa, em São Miguel”, referiu ainda, assegurando que a empresa já presta o serviço na maioria das freguesias de Ponta Delgada, Lagoa, Ribeira Grande e Vila Franca do Campo – todas na ilha de São Miguel – com entregas de segunda-feira a sexta-feira.

Ler mais
Recomendadas

Indústria Alimentar: o caminho da digitalização

No contexto da Indústria Alimentar, as organizações para se adaptarem necessitam de investir, e, atualmente, as tecnologias digitais chave passam pela: Robótica, Serviços móveis, Tecnologia Cloud, Internet-of-Things, Cibersegurança, Big Data e Analítica avançada, Impressão 3D, Inteligência Artificial e Social Media. Os consumidores, também eles cada vez mais nativos digitais, ditam tendências e as indústrias adaptam-se, quer […]

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.

Procrastinação ou a coragem de mudar

É preciso saber e decidir sem vacilar. Caso contrário, faremos parte das fotos guardadas no baú. Para mais tarde recordar.
Comentários