Mercado Abastecedor da Região de Lisboa celebra 18 anos com resultados positivos

A maior plataforma nacional de distribuição agroalimentar fechou o exercício de 2017, com um resultado líquido positivo de 4.353 milhões de euros, o que representa uma melhoria de 115,4 milhões de euros (+2,7%) relativamente a 2016.

O mercado abastecedor da região de Lisboa (MARL) comemora 18 anos da sua fundação. Em comunicado, a maior plataforma nacional de distribuição agroalimentar refere que fechou o exercício de 2017 com um resultado líquido de 4.353 milhões de euros, o que representa uma melhoria de 115,4 milhões de euros (+2,7%) relativamente a 2016.

“As ações de gestão perseguem, obviamente, os objetivos da rentabilização e manutenção do património, da consolidação financeira, da maximização da ocupação e rendimentos, da racionalização dos custos e da maximização da utilização dos recursos”, sublinha Rui Paulo Figueiredo, presidente do conselho de administração e CEO do Grupo SIMAB.

Em 2017, o investimento ascendeu aos três milhões de euros, com a implementação de um plano de modernização, “tão importante quanto correspondente à primeira intervenção significativa desde a sua construção, no ano 2000”, explica Rui Paulo Figueiredo.

O CEO da Marl refere que é necessário a “recuperação de edifícios” bem como “a modernização tecnológica de um vasto programa de soluções materiais, mas também algumas ações imateriais”. Rui Figueiredo afirma que “parte deste plano está já em curso” e que o investimento anual ficará situado entre os três e quatro milhões de euros.

Para 2019, o MARL tem previsto a criação de um “ponto verde”, que revolucione o sistema de recolha e tratamento de resíduos orgânicos e inorgânicos que chegam todos os dias a este espaço. O anúncio foi feito na última segunda-feira durante o debate “A Redução dos Plásticos no Ciclo Agroalimentar”. Rui Paulo Figueiredo considera fundamental “mudar todo o funcionamento interno”, e afirma que, dos “50% que assumem que violam os regulamentos”, esse número pode “ser na realidade da ordem dos 70 a 80%”.

Relacionadas

MARL quer mais startups no seu centro de negócios

O Mercado Abastecedor da Região de Lisboa – MARL vai oferecer condições especiais de instalação aos projetos e empresas resultantes dos programas de aceleração promovidos pelo “Loures Inova”, nas áreas agroalimentar, logística e transportes.

Mercados abastecedores nacionais promovem consumo de fruta na Polónia

Neste XIII Congresso Internacional de Promoção das Frutas e Legumes, que decorre em Varsóvia, participam representações de cerca de 30 países de todo o Mundo.
Recomendadas

Como a Indústria 4.0 pode ajudar a criar a fábrica do futuro

A fábrica do futuro é o centro de uma cadeia de distribuição que combina clientes, fornecedores, distribuidores e parceiros com sistemas analíticos avançados. Isso pode levar a uma “produção perfeita” com o mínimo de tempo de inatividade, negligência, desperdício e ineficiência.

Sustentabilidade no investimento: menos risco, mais valor

Reduzir a quantidade de plásticos descartáveis ou viajar de comboio são duas formas de reduzir a nossa pegada ecológica. E no investimento, o que podemos fazer para reforçar a sustentabilidade?
Comentários