Mulheres em Portugal: vamos a contas?

Em 1975, as Nações Unidas promoveram o Ano Internacional da Mulher e em 1977 proclamaram o dia 8 de março como o Dia Internacional da Mulher.

No dia internacionalmente dedicado à mulher, o Instituto Nacional de Estatística reuniu um conjunto de indicadores e números relevantes, na medida em que permitem descrever a atual posição das mulheres na sociedade portuguesa, nas mais diferentes frentes, permitindo aferir a evolução e peso que hoje representam.

Assim, em 2016, 52,6% da população portuguesa eram mulheres, e neste mesmo ano, 48,6% dos nascimentos foram do sexo feminino.

Na esfera da educação e do trabalho, as mulheres respondiam por 58,7% dos diplomados no nosso país na época escolar 2015/2016, eram mulheres, e por 48,7% da população empregada. No que à vida ativa , saudável e equilibrada diz respeito, destaca-se ainda o facto de 28,6% dos praticantes inscritos em federações desportivas, em 2016, serem mulheres.

Nesta caracterização, o INE aferiu também o peso da população feminina em contextos de maior complexidade, ou seja, em 2016, 80,2% das vítimas de violência doméstica eram mulheres;18,7% das mulheres estavam em risco de pobreza e 6,3% dos reclusos em estabelecimentos prisionais eram do sexo feminino.

 

Recomendadas

Vistos gold: Investimento captado mais do que triplicou em julho para 98,2 milhões de euros

O investimento captado através dos vistos ‘gold’ mais do que triplicou (aumentou 276%) em julho, face ao período homólogo de 2018, para 98,2 milhões de euros, segundo contas feitas pela Lusa com base nos dados estatísticos do SEF.

Número de viciados em jogo online aumentou mais de 8% em Portugal

No espaço de seis meses, 38.600 pessoas pediram para ser impedidas de jogar online, mais 3.200 pessoas face a 2018, uma subida de 8,3%.

Avião de carga aterrou de emergência no aeroporto do Porto  

Um avião de carga com dois tripulantes fez hoje uma “aterragem de emergência” em segurança no aeroporto do Porto devido a um “problema no motor”, disse à Lusa fonte da Proteção Civil.
Comentários