Neozelandeses criam a primeira bicicleta hidroelétrica do mundo

A engenhoca, com o nome Manta 5 Hydrofoiler XE-1, funciona como as bicicletas comuns, sendo necessário pedalar compulsivamente para que o aparelho permaneça estável e em movimento. A hidrobicicleta já está disponível para venda, sob encomenda, na Internet.

Uma empresa da Nova Zelândia criou a primeira bicicleta hidroelétrica do mundo. A engenhoca, com o nome Manta 5 Hydrofoiler XE-1, funciona como as bicicletas comuns, sendo necessário pedalar compulsivamente para que o aparelho permaneça estável e em movimento. A hidrobicicleta já está disponível para venda na Internet, sob encomenda.

A primeira bicicleta foi construída em França, no final do século XVIII, sendo que na altura não tinha pedais e tinha de ser movida com os pés. Mais de três séculos depois, dois neozelandeses decidiram reinventar o conceito. Desta vez, o aparelho tem pedais mas não tem rodas.

Os seus criadores Guy Howard-Willis e Roland Alonzo foram inspirados pelos barcos da America Sailing Cup e pelas provas de ciclismo. Da junção dessas duas paixões resultou um aparelho que permite andar sobre a água e fazer exercício em plena natureza. O protótipo criado é elétrico e usa um aero barco, projetado por engenheiros aeronáuticos para um hidroplano.

A hidrobicicleta é feita de fibra de carbono e possui três asas submersas e um volante para guiar o leme e superar as ondas. O aparelho tem uma autonomia de uma hora e meia e um motor silencioso de propulsão de 400 watts para alimentar a hélice e dar partida no motor. A somar a isso, a “bicicleta aquática” desmonta-se facilmente e pode ser guardada no porta-malas de um carro.

O aparelho custa 4.355 euros e será vendido, sob encomenda online, a partir de novembro de 2018.

Recomendadas

Indústria Alimentar: o caminho da digitalização

No contexto da Indústria Alimentar, as organizações para se adaptarem necessitam de investir, e, atualmente, as tecnologias digitais chave passam pela: Robótica, Serviços móveis, Tecnologia Cloud, Internet-of-Things, Cibersegurança, Big Data e Analítica avançada, Impressão 3D, Inteligência Artificial e Social Media. Os consumidores, também eles cada vez mais nativos digitais, ditam tendências e as indústrias adaptam-se, quer […]

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.

Procrastinação ou a coragem de mudar

É preciso saber e decidir sem vacilar. Caso contrário, faremos parte das fotos guardadas no baú. Para mais tarde recordar.
Comentários