Nova norma de emisões poluentes pode provocar aumento dos carros novos já em setembro

A entrada em vigor de um novo ciclo de medição de emissões poluentes e o receio de algumas marcas de que o Orçamento de Estado para 2019 não promova a neutralidade fiscal pedida po Bruxelas pode levar ao agravamento do preço dos automóveis novos, noticia o “Diário de Notícias” esta segunda-feira. A 1 de setembro o novo ciclo […]

A entrada em vigor de um novo ciclo de medição de emissões poluentes e o receio de algumas marcas de que o Orçamento de Estado para 2019 não promova a neutralidade fiscal pedida po Bruxelas pode levar ao agravamento do preço dos automóveis novos, noticia o “Diário de Notícias” esta segunda-feira.

A 1 de setembro o novo ciclo de medição da emissão de gases poluentes, o WLTP (Worldwide harmonezed light vehicles test procedure), que deverá dar valores mais próximos da realidade, entra em vigor. As marcas de automóvel teme – diz o DN – que o crescimento nas vendas de automóveis nos últimos ano possa abrandar, uma vez que o WLTP exigirá um aumento do preço dos carros novos.

Isto é, em setembro entra em vigor o ciclo ajustado  transitório (NEDC2), previsto pela Comissão Europeia. Em janeiro de 2019, chega a norma WLTP na integra, a par da RDE (Real Driving Emissions) para dados de consumo mais exatos. Todo este processo, em Portugal, atendendo à tabela fiscal do imposto sobre veículos (ISV) com incidência nas componentes de cilindrada e emissões de dióxido de carbono, poderá levar a um aumento sgnificativo do preço de carros novos. Pelo menos, enquanto uma nova tabela de ISV ajustada ao novo ciclo de medição não for praticada.

 

 

Recomendadas

Porsche nazi de 18 milhões de euros não é, na verdade, um Porsche

O Type 64 é um antecessor direto da família Porsche que chegou mais tarde e misturou a herança tradicional, desclassificando-o como original, garante o avaliador e engenheiro mecânico, Andy Prill.

Livrete muda a partir de hoje. Saiba como é o Documento Único Automóvel

Esta medida incluída no plano Justiça+ Próxima prevê simplificar o conteúdo informativo que é disposto no documento e reúne dados simples como características do veículo e proprietário.  

Elon Musk apresenta mega bateria para armazenar (muita) energia

Megapack surge da crença da Tesla de que transformar a rede elétrica global e “é um elemento cada vez mais importante da transição para a energia sustentável”.
Comentários