Novas limitações ao crédito terão benefícios reduzidos

Regras mais apertadas para os novos empréstimos já estão em vigor e são vistas como positivas pelas agências de ‘rating’. O impacto esperado é, no entanto, limitado para o malparado e castiga devedores.

As principais agências de rating mundiais elogiam a iniciativa do Banco de Portugal (BdP) de recomendar limitações à concessão de crédito em Portugal. Sendo o elevado endividamento e o peso do crédito malparado dois pontos sinalizados como problemáticos para a notação financeira, as agências alertam, no entanto, para as limitações do impacto.

“Vemos as medidas macroprudenciais do BdP positivamente. Espera-se que ajudem a prevenir a acumulação de novos riscos para o sistema financeiro”, afirmou a vice-presidente da DBRS, Adriana Alvarado, ao Jornal Económico.

Artigo publicado na edição semanal do Jornal Económico. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Como a Indústria 4.0 pode ajudar a criar a fábrica do futuro

A fábrica do futuro é o centro de uma cadeia de distribuição que combina clientes, fornecedores, distribuidores e parceiros com sistemas analíticos avançados. Isso pode levar a uma “produção perfeita” com o mínimo de tempo de inatividade, negligência, desperdício e ineficiência.

Sustentabilidade no investimento: menos risco, mais valor

Reduzir a quantidade de plásticos descartáveis ou viajar de comboio são duas formas de reduzir a nossa pegada ecológica. E no investimento, o que podemos fazer para reforçar a sustentabilidade?
Comentários