Novo Banco consegue vender unidade da Venezuela à Bancamiga

Novo Banco sai da Venezuela com a ajuda da BANCAMIGA, Banco Universal. Não foram avançados valores da venda, nem impacto no balanço.

Cristina Bernardo

O Novo Banco acaba de anunciar a conclusão de venda dos ativos e passivos da Sucursal na Venezuela.

O banco “informa que após a obtenção das necessárias aprovações, nomeadamente junto do Banco de Portugal e da autoridade reguladora do setor financeiro na Venezuela, e o cumprimento da totalidade das demais condições precedentes, foi concretizada a venda dos ativos e passivos da Sucursal na Venezuela do Novo Banco ao BANCAMIGA, Banco Universal, da Venezuela.

Com a conclusão da transação o  Novo Banco deixa de ter qualquer atividade bancária naquele país, que está a passar por uma crise política com consequências sociais negativas.

“Esta transação representa mais um importante passo no processo de desinvestimento de ativos não estratégicos do  Novo Banco, prosseguindo a sua estratégia de foco no negócio bancário doméstico e ibérico”, diz a instituição.

Relacionadas

Moody´s atribui nota positiva a nova injeção de capital no Novo Banco

A agência aponta como principais conclusões que a aplicação de medidas de Resolução em bancos insolventes foi no geral positiva para os detentores de dívida sénior dos bancos, porque estes continuam a ser poupados em detrimento dos credores subordinados.

Costa diz que nacionalização do Novo Banco poria o Estado “a dar” cerca de 5 mil milhões

No debate parlamentar quinzenal, António Costa voltou a defender a operação de venda do Novo Banco ao Lone Star apesar de o Estado ser chamado a financiar o Fundo de Resolução para capitalizar o banco. Sobre o Montepio voltou a falar das avaliações que sustentarão a decisão de entrada da Santa Casa.
Recomendadas

Inovação e empreendedorismo

Há que aplicar as novas tecnologias à cadeia de valor de uma empresa para que esta possa fornecer a melhor resposta ao cliente, conhecendo e focando-se nas necessidades que este tem. Neste ponto as startups representam uma mais-valia.

CGD avalia ações contra gestores que aprovaram crédito a Vale do Lobo

Advogados da CGD estão a avaliar ações cíveis contra gestores da administração de Santos Ferreira que deram ‘luz verde’ a operação Vale do Lobo. Parecer é entregue após o verão para decisão final.

JP Morgan bem posicionado para liderar entrada em bolsa da WeWork

Dona da WeWork vai emitir obrigações até seis mil milhões de dólares e fontes próximas da empresa revelaram que a instituição financeira que montar esta operação poderá ter papel ativo na entrada em bolsa da WeWork.
Comentários