O que é mais grave: Caso dos emails ou ‘Apito Dourado’? Ex-presidente da FPF não tem dúvidas

Gilberto Madaíl defende que Fernando Gomes tem de assumir uma posição e que não pode esconder-se “atrás do muro” por motivos “clubísticos”.

O antigo presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Gilberto Madaíl, teceu duras críticas à posição de Fernando Gomes em relação ao caso dos emails, em declarações à TSF.

“Está a ser muito mais grave do que o Apito Dourado, até pela dimensão que está a tomar. O Apito Dourado foi resolvido pela justiça desportiva, que terminou com a descida de divisão do Boavista, e o meu amigo Valentim Loureiro nunca me perdoou, com o castigo ao presidente do FC Porto e com a descida de divisão do Gil Vicente”, atirou.

Para Madaíl, o atual presidente da FPF não deveria esconder-se “atrás do muro”, considerando que este “devia de assumir uma posição, porque ele tem, neste momento, todos os poderes”.

Gilberto Madaíl apela, ainda, a quem tenha “documentos na sua posse que possam revelar situações incorretas” que os “revele publicamente”.

Recomendadas

Arranca hoje a corrida do FC Porto pela Champions de olho em encaixe de 44 milhões

Sérgio Conceição e os seus homens estão a, pelo menos, 360 minutos de distância de poderem engordar a conta bancária dos azuis e brancos de forma generosa. Este encaixe financeiro é visto como fundamental pela SAD portista. 

Benfica celebra parceria com Placard por três anos

O Sport Lisboa e Benfica acaba de celebrar uma parceria com o Placard.pt que, nos próximos três anos, será o patrocinador oficial de apostas desportivas do clube. Segundo um comunicado do clube da Luz, “o Placard.pt marcará presença relevante tanto no ‘site’ oficial, como nas várias plataformas digitais do Benfica, sendo que ambas as entidades […]

Estádio do Estrela da Amadora na Reboleira vai a leilão por seis milhões de euros

No decorrer de um processo de insolvência do Estrela da Amadora, foi fundado um novo clube, o Clube Desportivo Estrela, que usa as instalações da Reboleira.
Comentários