PCP aprova resolução que garante subsídio de insularidade e semana laboral de 35 horas

O aumento do salário mínimo para os 650 euros é outra medida que consta do projecto de resolução aprovado, pelo PCP, durante o Encontro Regional do mundo do trabalho.

O subsídio de insularidade para todos os trabalhadores da Madeira e uma carga horária semanal de trabalho de 35 horas são medidas que fazem parte do projeto de resolução aprovado pelo PCP no âmbito do Encontro Regional sobre o mundo do trabalho realizado no passado fim-de-semana.

Na resolução é ainda reivindicado o aumento do salário mínimo para os 650 euros e um acréscimo de 7,5% para a Madeira, a criação de um plano regional de combate à precariedade laboral, o combate ao “uso abusivo” dos programas de ocupação de desempregados para suprir necessidades permanentes, e ainda a aplicação dos 25 dias úteis de férias a todos os trabalhadores.

Durante este encontro regional sobre o mundo do trabalho os comunistas madeirenses defenderam que a “precariedade laboral é um flagelo” que afecta milhares de trabalhadores na nossa Região, calculando que mais de 40% dos trabalhadores sejam pobres e que 20% da população da Região Autónoma que têm traballo são precários.

Apesar da melhoria da economia madeirense os comunistas referiram que “o aumento do emprego” na Região está a ser feito através de vínculos precários e acusaram o Governo Regional de ser um dos “principais promotores” de novas formas de trabalho precário.

Recomendadas

PremiumO Vinho Madeira que passa de geração em geração desde 1850

O maior desafio do Vinho Madeira é aumentar a produção das castas nobres Sercial, Verdelho, Boal, Malvasia e Terrantez, e diminuir a produção da Tinta Negra, “que já é excessiva”, diz Pereira de Oliveira.

PremiumDireito ainda está “fora de questão” mas “poderia reter” estudantes na região

Para já, não está em cima da mesa a criação de uma licenciatura em Direito na UMa, mas o reitor José Carmo diz que o curso tem procura local.

PremiumO valor do patrocínio num evento como o Rali Vinho Madeira

O Rali Vinho Madeira é um evento que ao longo dos anos tem atraído milhares às estradas madeirenses. Mas nem só de público vive esta prova de desporto motorizado. O patrocínio é outras das vertentes que sustenta e ajuda a levar cada edição a bom porto. Entre os patrocinadores estão marcas e empresas como a MEO e o BPI.
Comentários