Preços das casas em Portugal aumentaram 6,4% no segundo trimestre

Valor subiu em todas as regiões do país, mas em Lisboa recuou 0,4%, invertendo uma tendência dos últimos meses, embora continue a ser a zona mais cara.

Os preços das casas em Portugal subiram 6,4% no segundo trimestre de 2018. De acordo com os dados divulgados pelo marketplace imobiliário “idealista”, o valor situa-se atualmente nos 1.867 euros por metro quadrado. Nenhuma região escapou a este aumento, com a zona Norte a ser aquela que viu os preços crescerem mais (8%).

Seguiram-se depois as regiões de Lisboa e Algarve, ambas com 5,9%, Alentejo com 4,2%, a região autónoma da Madeira e Centro, ambas com 3,5%. A capital portuguesa permanece como a zona mais cara com 2.629 euros por metro quadrado, face aos 1.420 euros por metro quadrado do Norte, enquanto o centro de Portugal com 996 euros por metro quadrado é o local de habitação mais barato.

Dos 20 distritos, 17 viram os preços subir com os maiores aumentos a terem lugar em Leiria (11,8%), Porto (8,3%), Guarda (8,2%) e Viseu (6,6%). Já em Lisboa, a subida foi de 4,9%. Em sentido inverso Bragança (-6,8%), Santarém (-3,1%) e Castelo Branco (-0,9%), foi onde os valores mais diminuiram.

O ranking dos distritos mais caros continua a ser liderado por Lisboa, com 3.067 euros por metro quadrado, seguido de Faro, com 1.916 euros por metro quadrado e o Porto, com 1.649 euros por metro quadrado. Já as zonas com preços mais económicos são Guarda, com 648 euros por metro quadrado, Bragança, com 675 euros por metro quadrado e Castelo Branco, com 678 euros por metro quadrado.

Os valores aumentaram também em 15 capitais de distrito/cidades, com Aveiro e Guarda no topo da tabela, ambas com 8,2%, enquanto o Porto registou a subida menor com 4,3%. Curiosamente, Lisboa viu os preços baixarem 0,4%, quando comparado com as subidas verificadas no primeiro trimestre deste ano (3,3%) e no último trimestre de 2017 (2%).

No entanto a capital de Portugal é o distrito onde é mais caro comprar casa, com valores a rondar os 4.197 euros por metro quadrado. O Porto com 2.544 euros por metro quadrado e o Funchal com 1.817 euros por metro, estão no segundo e terceiro lugares, respetivamente.

As cidades capitais de distrito onde os preços são mais económicos são Bragança (679 euros por metro quadrado), Castelo Branco (689 euros por metro quadrado) e Guarda (716 euros por metro quadrado).

Ler mais
Relacionadas

Quer morar em Lisboa por 124 euros por mês?

A Câmara Municipal de Lisboa vai abrir na segunda-feira um novo concurso para 36 habituações municipais no âmbito do Programa da Renda Convencionada, com rendas entre os 124 e os 373 euros.

Preços das casas disparam 12% no primeiro trimestre

Nos primeiros três meses do ano, o Índice de Preços da Habitação aumentou 12,2%, face a igual período de 2017. Entre janeiro e março realizaram-se 40.716 transações de habitações.

Banco de Portugal preocupado com aumento de mais de 30% do preço das casas

A subida em Portugal é já maior do que em países como Alemanha, Bélgica, Espanha, França e Holanda. “A dinâmica tem sido muito impulsionada pelo turismo e pela atuação de investidores não residentes [estrangeiros]”, aponta o bdP.
Recomendadas

Saiba quais as medidas de segurança nos locais destinados à dança

É obrigatório ter serviço de vigilância com recurso a segurança privada, aplicável obrigatoriamente em espaços com lotação igual ou superior a 200 pessoas.

Está à procura de um sítio para ficar estas férias? Deco sugere Eco Hotel

Ao estar a selecionar a opção de ficar num alojamento Ecológico, está também a contribuir para garantir mais sustentabilidade e um meio ambiente muito melhor.
Comentários