Quanto custa um funeral em Portugal?

Estas cerimónias são geralmente momentos em que estamos mais frágeis emocionalmente e acabamos por deixar que as funerárias tratem de todo o processo. Mas é importante ter uma visão clara sobre os valores que lhe podem vir a ser cobrados e pedir orçamentos discriminados a várias agências.

O número de mortes em Portugal tem vindo a diminuir devido à melhoria das condições de vida, mas a verdade é que todos temos de passar por algum tipo de cerimónia fúnebre. Estes são geralmente momentos em que estamos mais frágeis emocionalmente e acabamos por deixar que as funerárias tratem de todo o processo.

No entanto, ter uma visão clara sobre os valores que lhe podem vir a ser cobrados pode ajudá-lo a pedir orçamentos discriminados a várias agências. Atendendo aos valores cobrados na cidade de Lisboa, o portal Compara Já fez uma análise atendendo a três hipóteses de cerimónias: uma mais acessível (com serviços mais básicos), outra com serviços extra e mais outra uma com cremação.

Independentemente do tipo de cerimónia que realizar, há sempre despesas que são obrigatórias, como é o caso dos custos associados ao município (serviços paroquiais, sepultura e direito de cemitério) e o tratamento de burocracias. Com serviços adicionais, o custo total de um funeral pode ascender aos 40 mil euros.

Recomendadas

Saiba quais as medidas de segurança nos locais destinados à dança

É obrigatório ter serviço de vigilância com recurso a segurança privada, aplicável obrigatoriamente em espaços com lotação igual ou superior a 200 pessoas.

Está à procura de um sítio para ficar estas férias? Deco sugere Eco Hotel

Ao estar a selecionar a opção de ficar num alojamento Ecológico, está também a contribuir para garantir mais sustentabilidade e um meio ambiente muito melhor.
Comentários