Referendo: primeiros resultados indicam que Irlanda irá legalizar aborto

“Parece que vamos fazer história”, escreveu o primeiro-ministro da Irlanda Leo Varadkar, no Twitter, após a publicação das sondagens. “É a democracia em ação”.

As primeiras sondagens indicam que a legalização da interrupção voluntária da gravidez tenha sido aprovada em referendo na Irlanda, segundo noticia a agência Reuters. A contagem dos votos acontece ao longo deste sábado e o resultado poderá marcar o fim de uma das leis sobre o aborto mais restritivas da Europa.

O ‘sim’ à mudança da Constituição da Irlanda e legalização do aborto no país terá conseguido entre 68% e 69%, de acordo com duas sondagens, citadas pela agência noticiosa. “Não há perspetivas que a legislação não venha a ser aprovada”, afirmou o porta-voz da campanha contra a legalização, John McGuirk, citado pela Reuters.

A participação no referendo terá sido massivo e as mesmas sondagens indicam que a taxa de abstenção terá sido historicamente baixa. “Parece que vamos fazer história”, escreveu o primeiro-ministro da Irlanda Leo Varadkar, no Twitter, após a publicação das sondagens. “É a democracia em ação”.

Recomendadas

“Que Deus abençoe a memória daqueles em Toledo”. Trump engana-se no nome da cidade do massacre no Ohio

O presidente norte-americano referiu-se referiu a Toledo, e não a Dayton, nas suas observações sobre um dos recentes massacres onde morreram nove pessoas e outras 27 ficaram feridas.

A “Casa de Papel” na vida real: Assalto à Casa da Moeda do México leva dos cofres 50 milhões em menos de 4 minutos

Os assaltantes conseguiram desarmar um guarda e furar todas as barreiras de segurança até chegarem ao cofre de segurança, que estaria aberto. Em menos de quatro minutos, o grupo de homens roubou e fugiu do edifício sem que a polícia tivesse sequer chegado.

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.
Comentários