Respostas Rápidas: Autoeuropa aprovou pré-acordo laboral. O que implica?

A votação terminou esta quinta-feira à noite e contou com 73% de votos ‘sim’ e 25% ‘não’.

Luis Viegas

O voto da maioria dos funcionários da Autoeuropa aprovou esta quinta-feira o novo pré-acordo laboral, em referendo promovido pela Comissão de Trabalhadores.

Quando se realizou a votação? Quais foram os resultados?

O referendo da Comissão de Trabalhadores realizou-se na quinta-feira, dia 2 de março, entre as 14h30 e as 21 horas. A votação contou com 73% de votos ‘sim’ dos funcionários da Autoeuropa e 25% ‘não’, segundo informações divulgadas pela agência Lusa.

O que é que foi votado?

Os assuntos que constavam do caderno reivindicativo da Comissão de Trabalhadores da fábrica de Palmela, como questões salariais. Quanto aos novos horários de trabalho, o acordo laboral não estabelece novidades (em abril ou maio deverá haver mais desenvolvimentos).

O que implica o novo acordo laboral?

Essencialmente, subidas salariais: um aumento de 3,2%, com um mínimo de 25 euros, para avançar ainda em 2018. Além disso, o pré-acordo estabelece a integração de 250 trabalhadores com contratos a prazo até ao final do próximo mês de dezembro.

Autoeuropa (e não só): acabaram as férias para os comunistas e a sua CGTP

Ler mais
Relacionadas

Autoeuropa. Trabalhadores aprovam aumento de 3,2% dos salários com 73% dos votos

Os trabalhadores da Autoeuropa aprovaram em referendo o pré-acordo laboral negociado entre a administração e a Comissão de Trabalhadores, com 73% dos votantes a favor do acordo e 25% contra.

A Autoeuropa e o poder dos sindicatos

A situação que se vive na Autoeuropa tem suscitado um aceso debate sobre o papel dos sindicatos nas grandes empresas nacionais.

Há apenas uma creche com acordo com a Segurança Social para abrir aos sábados

A solução que o ministro Vieira da Silva está a procurar para os trabalhadores da Autoeuropa poderem deixar os seus filhos aos sábados de trabalho numa creche poderá ser uma situação exclusiva.
Recomendadas

Indústria Alimentar: o caminho da digitalização

No contexto da Indústria Alimentar, as organizações para se adaptarem necessitam de investir, e, atualmente, as tecnologias digitais chave passam pela: Robótica, Serviços móveis, Tecnologia Cloud, Internet-of-Things, Cibersegurança, Big Data e Analítica avançada, Impressão 3D, Inteligência Artificial e Social Media. Os consumidores, também eles cada vez mais nativos digitais, ditam tendências e as indústrias adaptam-se, quer […]

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.

Procrastinação ou a coragem de mudar

É preciso saber e decidir sem vacilar. Caso contrário, faremos parte das fotos guardadas no baú. Para mais tarde recordar.
Comentários