Santa Casa da Misericórdia vai entrar no capital do Montepio

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) vai entrar no capital da Caixa Económica do Montepio Geral, confirmou o provedor da instituição, Edmundo Martinho, em entrevista hoje à TSF e ao Diário de Notícias.

O provedor da SCML adiantou que o negócio será fechado nas próximas semanas e “entrará numa dimensão que está em linha com o que a própria associação mutualista decidiu na semana passada de autorizar a direção da mutualista a alienar até 2% do seu capital”.

Edmundo Martinho indicou que “a parcela leva o investimento da SCML no limite até aos 30 a 40 milhões de euros”, acrescentando que a instituição não ficará com o total de 2% a alienar”.

“A participação simbólica vai permitir à Santa Casa ter representantes não executivos nos órgãos sociais da Caixa Económica Montepio Geral e também escolher, em conjunto com a Associação Mutualista, o presidente da Mesa da Assembleia Geral”, disse.

Desde o ano passado que tem sido falada a hipótese de a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), entidade tutelada pelo Governo, entrar no capital do banco Montepio Geral.

A Caixa Económica Montepio Geral é detida na totalidade pela Associação Mutualista Montepio Geral.

Recomendadas

Inovação e empreendedorismo

Há que aplicar as novas tecnologias à cadeia de valor de uma empresa para que esta possa fornecer a melhor resposta ao cliente, conhecendo e focando-se nas necessidades que este tem. Neste ponto as startups representam uma mais-valia.

CGD avalia ações contra gestores que aprovaram crédito a Vale do Lobo

Advogados da CGD estão a avaliar ações cíveis contra gestores da administração de Santos Ferreira que deram ‘luz verde’ a operação Vale do Lobo. Parecer é entregue após o verão para decisão final.

JP Morgan bem posicionado para liderar entrada em bolsa da WeWork

Dona da WeWork vai emitir obrigações até seis mil milhões de dólares e fontes próximas da empresa revelaram que a instituição financeira que montar esta operação poderá ter papel ativo na entrada em bolsa da WeWork.
Comentários