Santo Antão quer exportar peixe defumado para a Europa

A Associação dos Pescadores da Ponta do Sol, na ilha de Santo Antão, estão determinados em exportar peixe defumado para a Europa, começando por Portugal. Neste momento mobilizam parceiros para a concretização do projecto.

Essa associação tem vindo, há quase sete anos, a defumar o peixe, produto que, a seu ver, “já conquistou o seu espaço” no mercado santantonense e que poderá passar, “dentro de algum tempo”, a ser colocado em outras ilhas do arquipélago, além de ser exportado para o mercado europeu.
O projecto, que segundo o representante dessa associação, José Nascimento, visa a exportação do peixe defumado, num primeiro momento, para Portugal, onde já existe abordagem para o efeito, foi submetido à câmara da Ribeira Grande de Santo Antão, que havia manifestado a vontade de apoiar essa associação na sua concretização, sobretudo na aquisição de embalagens para o produto.
Porém, esse apoio demora a chegar, segundo os pescadores, que procuram agora outros parceiros para levar o peixe defumado de Santo Antão além-fronteira. “Estávamos, igualmente, a tentar estabelecer uma parceria com uma ONG (organização não-governamental) em Cabo Verde, mas não foi possível. Porém, não vamos desistir de levar adiante este projecto”, referiu ainda José Nascimento, salientando o facto de o peixe defumado de Santo Antão ser “já muito conhecido”, graças à sua presença em várias feiras.
Desde 2011, os pescadores em Ponta do Sol têm estado a defumar o pescado, como atum e ilhéu, que tem vindo a ter muita procura, sobretudo nas feiras que, regularmente, se realizam na ilha de Santo Antão.

Foto: Inforpress

Recomendadas

Cabo Verde Airlines arranca com nova operação inter-ilhas com as portuguesas Lease-Fly e Newtour

A companhia aérea cabo-verdiana, anunciou hoje uma “parceria estratégica” com as portuguesas Lease-Fly e Newtour para os voos domésticos entre ilhas naquele arquipélago e garantindo assim a conectividade ao ‘hub’ internacional na ilha do Sal.

Grupo militar na Renamo recusa entregar armas sem eleger novo presidente do partido

O líder do braço armado da Renamo que contesta a liderança do partido recusou hoje entregar as armas no quadro do acordo de paz assinado com o Governo sem que seja eleito um novo presidente da formação política.

Governo cabo-verdiano disponibiliza 15 mil contos para reabilitar escolas na ilha de Santiago

O governo de Cabo Verde vai, através do Ministério da Educação, conceder este montante para estabelecimentos de ensino nos concelhos do Tarrafal e Santa Catarina.
Comentários