Trump é o líder mundial mais seguido no Twitter, diz estudo

O Presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, é o líder mundial mais seguido na rede social ‘Twitter’, à frente do Papa Francisco e do primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, de acordo com um estudo realizado.

Com 52 milhões de subscritores, “Donald Trump tornou-se no líder mundial mais seguido no ‘Twitter’ em outubro de 2017, altura em que ultrapassou o Papa Francisco, o segundo líder mais visualizado, com 47 milhões de seguidores, nas contas que tem em nove línguas”, explica o estudo anual “Twitplomacy”, da empresa Burson Chon & Wolfe (BCW).

“O primeiro-ministro indiano ocupa a terceira e quarta posições, com 42 milhões de subscritores na conta pessoal e 26 milhões na institucional”, afirma a BCW.

A primeira-ministra britânica, Theresa May, é a líder europeia com mais seguidores, com cinco milhões de pessoas a prestar atenção à página da governante, seguida pelo primeiro-ministro de França, Emmanuel Macron, com três milhões de subscritores.

A rainha da Jordânia, Rania al Yassin, é a líder mais seguida nos países árabes (dez milhões de seguidores), à frente do vice-presidente e primeiro-ministro dos Emirados Árabes Unidos, Sheikh Mohammed bin Rashid Al Maktoum (nove milhões), e do rei da Arábia Saudita, Salman bin Abdulaziz Al Saud (seis milhões).

O estudo também revela que os governantes sul-americanos são “de longe os mais ativos” no ‘Twitter’.

No total há 187 chefes de estado, de governo ou ministros com presença no ‘Twitter’, valor “que representa 97% dos 193 estados-membros das Nações Unidas”, vinca a BCW.

Apenas os governos de Laos, Mauritânia, Nicarágua, Coreia do Norte, Turquemenistão e Suazilândia não têm representação oficial na rede social.

Ler mais
Recomendadas

“Que Deus abençoe a memória daqueles em Toledo”. Trump engana-se no nome da cidade do massacre no Ohio

O presidente norte-americano referiu-se referiu a Toledo, e não a Dayton, nas suas observações sobre um dos recentes massacres onde morreram nove pessoas e outras 27 ficaram feridas.

A “Casa de Papel” na vida real: Assalto à Casa da Moeda do México leva dos cofres 50 milhões em menos de 4 minutos

Os assaltantes conseguiram desarmar um guarda e furar todas as barreiras de segurança até chegarem ao cofre de segurança, que estaria aberto. Em menos de quatro minutos, o grupo de homens roubou e fugiu do edifício sem que a polícia tivesse sequer chegado.

Japão testa drones que transportam pessoas para diminuir o trânsito

Os responsáveis pelo projeto apontam que os drones tripulados poderão ser uma solução para combater o trânsito: “O Japão é um país com uma densidade populacional muito elevada, e como tal, carros voadores poderão ser a solução para diminuir o trânsito no país”.
Comentários