Voos directos entre Nigéria e Cabo Verde poderão tornar-se realidade

O novo embaixador da Nigéria em Cabo Verde quer reforçar as relações bilaterais entre Praia e Abuja. E anunciou que os dois países estão já a trabalhar para abrir uma linha aérea directa a ligar os dois estados-membros da CEDEAO.

Adeyemy Afolahn, o novo embaixador da Nigéria em Cabo Verde, com residência na Guiné-Bissau, apresentou esta terça-feira as cartas credenciais ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca.

O diplomata aproveitou para prometer a Jorge Carlos Fonseca “continuar a trabalhar para reforçar, consolidar e alargar as relações bilaterais entre os dois países”, cujos laços de cooperação, no entender de Afolahn, “são excelentes”. O embaixador nigeriano perpectiva, ainda assim, uma relação ainda mais fortalecida no domínio dos transportes aéreos, que, afirmou, irá permitir uma maior circulação de pessoas e bens entre os dois países.

“Hoje em dia, existem muitos nigerianos que queiram vir para Cabo Verde visitar familiares e passar férias, mas para tal têm de fazer outra trajectória. Neste momento, estamos a trabalhar para que haja uma linha directa entre Cabo Verde e Nigéria e vice-versa”, avançou, sem acrescentar mais informações sobre o assunto.

Segundo o diplomata, Abuja está também interessada em ajudar o Goberno da Praia no quadro da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO). Adeyemy Afolahn considerou, por fim, que Cabo Verde e Nigéria compartilham a mesma história a nível do continente africano, prometendo que irá visitar Cabo Verde com maior frequência, no sentido de fortalecer e reforçar a cooperação entre os Estados.

 

 

 

Ler mais
Recomendadas

Cabo Verde Airlines arranca com nova operação inter-ilhas com as portuguesas Lease-Fly e Newtour

A companhia aérea cabo-verdiana, anunciou hoje uma “parceria estratégica” com as portuguesas Lease-Fly e Newtour para os voos domésticos entre ilhas naquele arquipélago e garantindo assim a conectividade ao ‘hub’ internacional na ilha do Sal.

Grupo militar na Renamo recusa entregar armas sem eleger novo presidente do partido

O líder do braço armado da Renamo que contesta a liderança do partido recusou hoje entregar as armas no quadro do acordo de paz assinado com o Governo sem que seja eleito um novo presidente da formação política.

Governo cabo-verdiano disponibiliza 15 mil contos para reabilitar escolas na ilha de Santiago

O governo de Cabo Verde vai, através do Ministério da Educação, conceder este montante para estabelecimentos de ensino nos concelhos do Tarrafal e Santa Catarina.
Comentários